Começou ontem a 19ª edição do Curtas Vila do Conde, o maior festival de curtas em Portugal, com a estreia de um western português, “Estrada de Palha”, realizado por Rodrigo Areias. Este projecto, financiado pelo ICA para ser uma curta-metragem, passou para uma longa graças à produtora Bando à Parte, que produziu o filme. O filme, que foi rodado em 201o em Castelo de Vide com uma RED, conta com Vítor Correia, Nuno Melo e Angelo Torres nos principais papéis.

 

“Estrada de Palha” acompanha a história de um homem que após ter vivido longe do seu país durante mais de uma década, volta à sua aldeia para vingar a morte do irmão. Inspirado nos escritos de Henry David Thoreau, traduz Desobediência Civil para Português. Num pais onde a corrupção e a extorsão são encaradas com normalidade, aqueles que materializam a representação do Estado prendem e matam impunemente. Alberto tenta combater a tirania do estado e salvar o que resta da sua família. Mas este é um país onde nada muda. Este filme, que “tem apenas 4 ou 5 tiros“, reúne a dupla Legendary Tigerman e Rita Redshoes que compuseram a banda sonora.

 

O Curtas Vila do Conde irá decorrer de 10 a 17 de Julho e irá receber 34 curtas-metragens de todo o mundo e 19 produções portuguesas.