Foram entregues à instantes os prémios da 22ª edição dos Globos de Ouro SIC, na categoria de Cinema, um evento que é promovido anualmente pela SIC e pela revista Caras. “Cartas da Guerra” venceu na categoria de Melhor Filme, Nuno Lopes na de Melhor Ator, por “Posto Avançado do Progresso” e Ana Padrão na de Melhor Atriz, por “Jogo de Damas”.

Os discursos ficaram marcados pela contestação à lei SECA (Secção Especializada de Cinema e Audiovisual), que foi aprovada este ano e que permite a esta entidade a nomeação dos júris para a escolha dos projetos de cinema e audiovisual que vão receber apoio financeiro do Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA). Grande parte do setor audiovisual contesta esta lei pedindo mais transparência na escolha dos júris, para que não se escolham projectos pela questão financeira.

Melhor Filme
Cartas da Guerra, de Ivo M. Ferreira

Melhor Ator
Nuno Lopes, Posto Avançado do Progresso

Melhor Atriz
Ana Padrão, Jogo de Damas