Estreou na 41ª edição do Festival de Cinema de Animação de Annecy, tendo conquistado o Prémio do Público, e estreia nas salas de cinema portuguesas a 12 de outubro. “Loving Vincent”, realizado pela polaca Dorota Kobiela e pelo inglês Hugh Welchman (vencedor do Óscar de Melhor Curta Metragem por “Pedro e o Lobo”, em 2006), recria cerca de 120 quadros do próprio Van Gogh que ganham vida ao longo de uma história que certamente não falta mistério, pois brinca com a possibilidade de o artista ter sido assassinado, em vez de se suicidar. Cada um dos 65.000 fotogramas do filme é pintado à mão por 115 pintores profissionais de pintura a óleo que viajaram por toda a Europa para os estúdios do filme “Loving Vincent” para participar nesta produção única, resultando num filme de 95 minutos.

“Loving Vincent” é uma investigação que aprofunda a vida e a morte polémica de Vincent Van Gogh, um dos pintores mais queridos do mundo, contado pelas suas pinturas e pelos seus personagens que as habitam. A intriga desenrola-se através de entrevistas com as personagens mais próximas de Vincent e através de reconstruções dramáticas dos eventos que levaram à sua morte.

Neste filme dão voz Robert Gulaczyk, Helen McCrory, Saoirse Ronan, Aidan Turner, Chris O’Dowd, Douglas Booth, Eleanor Tomlinson, entre outros.

Este filme que dá vida aos quadros de Van Gogh chegará a 12 de outubro aos cinemas portugueses pela Outsider Films.