O Le plein de Super é um festival de cinema ambulante de curtas-metragens que terá a sua primeira edição em Portugal, de abril a setembro de 2016. A camioneta “La Boîte Carrée” irá partir de Nantes (França) até Lisboa (Portugal) para circular por cidades e aldeias de todo o país a projectar filmes ao ar livre num ecrã encostado à parte lateral do autocarro.

Os objectivos são, promover o acesso à cultura, favorecer os laços sociais, aguçar o olhar do público, valorizar a criação contemporânea, proporcionar momentos de convívio cinematográfico e possibilitar um intercâmbio entre Portugal e França.

Com entrada gratuita, antes de cada sessão poder-se-ão organizar piqueniques abertos ao público. Cada sessão durará aproximadamente uma hora. Serão exibidos cerca de 7 a 8 filmes (de animação, ficção, documentário, experimental…). No final de cada sessão, os espetadores podem escolher um dos artistas e escrever-lhe um postal.

Estão previstas algumas sessões em locais como: Aljezur, Odeceixe, Reguengos de Monsaraz, Évora, Montemor-o-Novo, Lousal, Aljustrel, Messejana, Ervidel, Sesimbra, Vale de Chelas (Lisboa), Torres Vedras, Caxarias, Fátima, Ourém, Proença-a-Nova, Caldas da Rainha e Porto.

Ao todo serão cerca de 60 filmes a serem exibidos, provenientes de diversos países como EUA, Canadá, França, Portugal, Irão, Japão, Itália, Argentina, entre outros.

A última fase da viagem – e do “Le Plein de Super” – será a noite de encerramento do festival que acontecerá em Nantes (França). Serão exibidos os vídeos dos artistas que tenham recebido um maior número de postais. Nesta ideia de intercâmbio, serão mostrados também os filmes portugueses recolhidos nesta caminhada por terras lusas, ao encontro de realizadores portugueses.

Este festival de cinema itinerante é organizado pela “La Boîte Carrée” (A Caixa Quadrada), “uma associação francesa fundada em 2009. Durante 5 anos, ficou conhecida essencialmente por “Os filmes do camião”, um projeto de programação e difusão de vídeos em sítios públicos. Posteriormente, a associação redefiniu as suas orientações. A partir de 2015, “La Boîte Carrée” começa a circular em camioneta. A deambulação fílmica atravessa fronteiras e torna-se europeia”.

Catálogo de Filmes