Área de Contenção 2015: Vencedores

A 2ª edição da Área de Contenção – Encontros Internacionais de Cinema Fantástico de Horror do Cartaxo chegou ao fim no passado dia 8 de novembro, no Centro Cultural do Cartaxo. O Júri Oficial, composto pelo ator Luís Lucas, pela professora Virgínia Teófilo e pelo músico João Nunes, decidiu atribuir o Grande prémio Área de Contenção 2015 ao filme “Arcana” de Jerónimo Ribeiro Rocha, produzido pela Take It Easy, o Prémio de Melhor Longa-Metragem ao filme francês “Paranoia Park” de Bruno Mercier e o Prémio Nacional – Luís Pina foi atribuído a “Bolor Negro” de Marta Pessoa.

Durante três dias, para além de uma grande selecção de filmes em competição vindos dos quarto cantos do mundo, o público teve a oportunidade de ver, no Centro Cultural do Cartaxo, uma homenagem a Christopher Lee que culminou numa masterclass dada pelo crítico Lauro António. “O sucesso foi notável e os elogios fizeram-se ouvir de todos os lados, tanto do público, como das equipas que fizeram os filmes na selecção oficial”.

 

Vencedores

Grande prémio Área de Contenção 2015

Arcana, de Jerónimo Ribeiro Rocha (Portugal)

Prémio Longa-Metragem

Paranoia Park, de Bruno Mercier (França)

Prémio Curta-Metragem

Caradecaballo, de Marc Martinez Jordán (Espanha)

Prémio Nacional – Luís de Pina

Bolor Negro, de Marta Pessoa (Portugal)

Prémio Animação

Dinner for Few, de Nassos Vakalis (Grécia e EUA)

 

Menções Honrosas

Categoria Filme de Animação

Lingo, de Daniel Roque (Portugal)

Categoria de Direcção de Fotografia

The Cart, de Patrik Eriksson (Polónia)

Categoria de Argumento (ex-equo)

Lingo, de Daniel Roque (Portugal)

Manias, de Santiago Capuz (Espanha)

 

Prémio Out Of the Box

Be My Cat: A film to Anne, de Adrian Tofei (Roménia)

Prémio New Blood

Caradecaballo, de Marc Martínez Jordán (Espanha)

Menções Honrosas

Categoria Nacional

Bílis Negra, de Nuno Sá Pessoa (Portugal)

Categoria Filme de Animação

Dinner for Few, de Nassos Vakalis (Grécia e EUA)

Categoria Direcção de Fotografia

The Cart, de Patrik Eriksson (Polónia)

Categoria Humor

La Última Voluntad de Emilio Cancela, de David Caiña Pérez (Espanha)

 

Prémio do Público – Secção Oficial

Buenas Manos, de Francisco Bendomir (Argentina)

Prémio do Público – Out Of the Box

Be My Cat: A film to Anne, de Adrian Tofei (Roménia)

Prémio Monstro debaixo da Cama (ex-equo) – Votado pelo público infantil (ex-equo)

Route 52, de Jacinth Tan Yi Ting, Tok Xue Yi (Singapura)

Lingo, de Daniel Roque (Portugal)

Prémio Pânico – Votado pela organização do Festival

O Efeito Isaias, de Ramon de los Santos (Portugal)