Alcarràs

Berlinale 2022: dramas saem vencedores e “Alcarràs” é Urso de Ouro

Os vencedores da Berlinale de 2022 foram revelados ontem (dia 16) . O evento presencial ocorre, ainda, nos dias 10 a 20 de fevereiro deste ano. O júri da competição, liderado pelo presidente M. Night Shyamalan, incluiu o cineasta Karim Aïnouz, o produtor Saïd Ben Saïd, a cineasta Anne Zohra Berrached, o cineasta Tsitsi Dangarembga, o realizador indicado ao Oscar por “Drive My Car”(filme estreia em Portugal a 10 de março), Ryûsuke Hamaguchi, e a atriz Connie Nielsen.

O principal prémio da Berlinale, o Urso de Ouro de Melhor Filme, foi apresentado por Shyamalan. “Por suas extraordinárias atuações, desde os atores mirins até aos atores na casa dos 80 anos, pela capacidade de mostrar a ternura, a comédia e a luta“, o prémio foi entregue ao drama espanhol “Alcarràs“, da realizadora Carla Simón.

A realizadora dedicou o Urso de Ouro a “todas as famílias de agricultores que praticam uma actividade respeitosa, pois é uma forma de resistência“. “Alcarràs” é a segunda longa-metragem de Carla Simón, depois do seu filme de estreia ‘Estiu 1993‘, que também pôde ser visto no festival alemão.

O elenco do filme vencedor é composto por atores não profissionais de Lleida, incluindo os seus primos, tios e irmã, e está programado para ser lançado em Espanha na primavera.

 

Já o Prémio do Júri do Urso de Prata foi para “Robe of Gems“, da realizadora Natalia López Gallardo, que retrata as vidas de três mulheres ofuscadas pela tragédia e pela violência.

A Berlinale acabou com mais prémios de atuação de género mais uma vez (e como já acontece desde 2020), foi a vez de oferecer Ursos de Prata para Melhor Coadjuvação (atriz indonésia Laura Basuki, “Before Now & Then“) e Melhor Performance Principal (comediante alemão Meltem Kaptan, “Rabiye Kurnaz vs George W Bush“). A par da Melhor Performance Principal, o Urso de Prata para Melhor Argumento também foi entregue a Andreas Dresen, por este drama “Rabiye Kurnaz vs George W Bush“.

Rabiye Kurnaz vs George W Bush

O prolífico realizador coreano Hong Sang-soo venceu o Grande Prémio do Júri do Urso de Prata pelo seu último filme, “The Novelist’s Film“. “Eu continuo a fazer o que tenho feito“, disse o vencedor surpreso. Ele realizou duas dúzias de longas ao longo da sua carreira, e o filme “A Mulher que Fugiu” (agora disponível na Filmin) já tinha ganhado o Urso de Ouro, em 2020.

Recordamos que o Urso de Ouro da Berlinale do ano passado foi para “Bad Luck Banging or Loony Porn” (Má Sorte no Sexo ou Porno Acidental) de Radu Jude, que se tornou a submissão da Roménia para o Oscar de Melhor Filme Internacional de 2022, apesar de tão constar dos nomeados finais. Hamaguchi, agora membro do júri, também levou um prémio no ano passado, o Grande Prémio do Júri do Urso de Prata, por “Roda da Fortuna e Fantasia“.

E a amada realizadora Claire Denis venceu o prémio de melhor realizadora pelo seu psicodrama romântico “Avec Amour et Acharnement“, filme que acordou o festival, graças às actuações de Juliette Binoche e Vincent Lindon ao som de Tindersticks.

Avec Amour et Acharnement

Na secção Encounters, salientamos que o Prémio Especial do Júri foi dado a “À Vendredi, Robinson de Mitra Farahani, que centra-se no encontro entre o intelectual iraniano Ebrahim Golestan e o lendário diretor de cinema francês Jean-Luc Godard.

O Urso de Ouro de Melhor Curta-Metragem foi concedido a “Trap, realizado por Anastasia Veber. O brasileiro Bruno Ribeiro ganhou o prémio Urso de Prata pela seu curta-metragem “Manhã de Domingo,  que tem produção  e distribuição da Reduto Filmes, criada e constituída por Adler Costa, Bruno Ribeiro, Laís Diel e Tuanny Medeiros. Escrito por Tuanny Medeiros e Bruno Ribeiro, é protagonizado por Raquel Paixão que interpreta uma jovem pianista negra.

Em Competição Internacional de Curta-Metragem também havia a presença portuguesa de By Flávio, curta-metragem realizada por Pedro Cabeleira, com argumento de Diogo Figueira, Pedro Cabeleira e Ana Vilaça, e que foram das melhores coisas em Berlim.

Recordamos, por fim, que o Urso de Ouro Honorário da Berlinale foi entregue, conforme anunciado, à actriz francesa Isabelle Huppert, que recebeu o prémio à distância e via online por ter testado positivo à covid-19 e encontrar-se em isolamento.

Photo credit: Sebastian Reuter/Getty Images) GETTY IMAGES

 

Confira abaixo a lista de todos os vencedores da edição de 2022 da Berlinale.

Urso de Ouro
Alcarràs” dir. Carla Simón

Urso de Prata Prémio do Grande Júri
The Novelist’s Film” dir. Hong Sang-soo

Urso de Prata Prémio do Júri
Robe of Gems” dir. Natalia López Gallardo

Urso de Prata para Melhor Realização
Claire Denis, “Avec Amour et Acharnement

Urso de Prata para Melhor Desempenho Principal,
Meltem Kaptan, “Rabiye Kurnaz vs George W Bush

Urso de Prata para Melhor Actuação Coadjuvante
Laura Basuki, “Before Now & Then

Urso de Prata para Melhor Argumento
Andreas Dresen, “Rabiye Kurnaz vs George W Bush

Urso de Prata para Melhor Contributo Artístico
Rithy Pahn, “Everything Will Be OK

Menção Especial do Júri
A Piece of Sky” dir. Michael Koch

 

Encounters – vencedores:

Melhor Filme
Mutzenbacher” dir. Ruth Beckermann

Melhor Realizador
Cyril Schäublin, “Unrest

Prémio Especial do Júri
À Vendredi, Robinson” dir: Mitra Farahani

 

Documentário – vencedores:

Melhor Documentário
Myanmar Diaries” dirs. Myanmar Collective

Menção Especial
No U-Turn” dir. Ike Nnaebue

Melhor Documentário Estreante
Sonne” dir. Kurdwin Ayub

 

Restantes premiações aqui.

 

 

Skip to content