O 64.º BFI London Film Festival anunciou hoje o programa completo para a edição de 2020, que contará com sessões virtuais e presenciais. O festival irá decorrer de 7 a 18 de outubro e estará mais acessível do que nunca, apresentando mais de 50 sessões virtuais de filmes e de estreias presenciais no BFI SouthBank e em cinemas por todo o Reino Unido.

Marcando um ano forte para o cinema britânico, o festival irá começar com a estreia europeia de “Mangrove”, de Steve McQueen, e irá encerrar com “Ammonite”, de Francis Lee. O programa completo inclui todos os géneros: ficção, documentário, animação, clássicos restaurados, curtas-metragens e muitos mais, e todos irão contar com uma introdução ou um Q&A com os realizadores ou os programadores.

Destaque ainda para os filmes: “Another Round”, de Thomas Vinterberg, “Notturno”, de Gianfranco Rosi , “Possessor”, de Brandon Cronenberg, “Undine”, de Christian Petzold, “Genus Pan”, de Lav Diaz, “David Byrne’s American Utopia”, de Spike Lee, “New Order”, de Michel Franco, e “A Day-off for Kasumi Arimura”, de Hazu Kirokore-eda.

Apesar de mostrarem filmes de mais de 40 países, os filmes estão todos condicionados ao seu visionamento no Reino Unido, mas as palestras estarão disponíveis gratuitamente e virtualmente em todo o mundo. Este ano, os vencedores estarão na mão da audiência e estes serão anunciados numa cerimónia online no último fim de semana do festival.

Toda a programação disponível aqui.