"Amor" (2012)_2

A Academia do Cinema Francês atribuiu ontem os cinco principais Prémios César 2013 (“os Óscares franceses”) a “Amor”: Melhor Filme, Melhor Realizador (Michael Haneke), Melhor Ator (Jean-Louis Trintignant), Melhor Atriz (Emmanuelle Riva) e Melhor Argumento Original. “De rouille et d’os” foi o segundo grande vencedor, com quatro prémios, e “Les adieux à la Reine” recebeu três prémios, entre eles o de Melhor Fotografia. Já “Camille Redouble” de Noémie Lvovsk, o filme mais nomeado (treze categorias), não venceu nenhuma nesta 38ª cerimónia dos Prémios César.

 

Melhor Filme
Amour

 

Melhor Realizador
Michael Haneke, em Amour

 

Melhor Argumento Original
Amour

 

Melhor Argumento Adaptado
De rouille et d’os

 

Melhor Ator
Jean-Louis Trintignant, em Amour

 

Melhor Atriz
Emmanuelle Riva, em Amour

 

Melhor Ator Secundário
Guillaume de Tonquédec, em Le prénom

 

Melhor Atriz Secundária
Valérie Benguigui, em Le prénom

 

Melhor Revelação Masculina
Matthias Schoenaerts, em De rouille et d’os

 

Melhor Revelação Feminina
Izia Higelin, em Mauvaise fille

 

Melhor Primeiro Filme
Louise Wimmer

 

Melhor Filme Estrangeiro
Argo (EUA)

 

Melhor Documentário
Les invisibles

 

Melhor Filme de Animação
Ernest et Célestine

 

Melhor Montagem
De rouille et d’os

 

Melhor Banda Sonora Original
Alexandre Desplat, por De rouille et d’os

 

Melhor Som
Cloclo

 

Melhor Fotografia
Les adieux à la Reine

 

Melhor Cenografia
Les adieux à la Reine

 

Melhor Guarda-Roupa
Les adieux à la Reine

 

Melhor Curta-metragem
Le cri du homard