Adieu-les-cons-2020-1

Césares 2021: Vencedores

A comédia dramática “Adieu les Cons”, de Albert Dupontel, triunfou nos Prémios César 2021, entregues pela Academia do Cinema Francês, ao conquistar sete Césares, incluindo o de Melhor Filme, Melhor Realização e Melhor Argumento Original.

“Adolescentes”, de Sébastien Lifshitz, venceu nas categorias de Melhor Documentário, Melhor Montagem e Melhor Som. “Josep”, de Aurel, venceu o César de Melhor Filme de Animação.

Já o drama “Les Choses qu’on Dit, Les Choses qu’on Fait”, de Emmanuel Mouret, que liderava com 14 nomeações, venceu apenas na categoria de Melhor Atriz Secundária, e “Verão de 85”, de François Ozon, que tinha 12 nomeações, não venceu nenhum César.

Melhor Filme
Adieu les Cons, de Albert Dupontel

Melhor Primeira Obra
Deux, de Filippo Meneghetti

Melhor Documentário
Adolescentes, de Sébastien Lifshitz

Melhor Filme de Animação
Josep, de Aurel

César des Lycéens
Adieu les Cons, de Albert Dupontel

Melhor Filme Estrangeiro
Druk, de Thomas Vinterberg (Dinamarca)

Melhor Realização
Albert Dupontel, por Adieu les Cons

Melhor Ator
Sami Bouajila, em Un Fils

Melhor Atriz
Laure Calamy, em Antoinette dans les Cévennes

Melhor Ator Secundário
Nicolas Marié, em Adieu les Cons

Melhor Atriz Secundária
Emilie Dequenne, em Les Choses qu’on Dit, Les Choses qu’on Fait

Revelação Masculina
Jean-Pascal Zadi, em Tout Simplement Noir

Revelação Feminina
Fathia Youssouf, em Mignonnes

Melhor Argumento Original
Albert Dupontel, por Adieu les Cons

Melhor Argumento Adaptado
Stéphane Demoustier, por La Fille au Bracelet

Melhor Montagem
Adolescentes

Melhor Fotografia
Adieu les Cons

Melhor Música Original
La Nuit Venue

Melhor Som
Adolescentes

Melhor Direcção Artística
Adieu les Cons

Melhor Guarda-Roupa
La Bonne Épouse

Melhor Curta-Metragem de Ficção
Qu’Importe si les Bêtes Meurent, de Sofia Alaoui

Melhor Curta-Metragem de Animação
L’Heure de l’Ours, de Agnès Patron

César Honorário
Jean-Pierre Bacri

Skip to content