Cinema Português em Movimento 2016

Está de volta a iniciativa Cinema Português em Movimento, que foi lançada em 2013, aquando das comemorações dos 40 anos do ICA – Instituto do Cinema e do Audiovisual. A 4ª edição terá lugar entre os meses de junho a setembro, e será composta por 51 sessões cinematográficas em diversas vilas e aldeias do País. O programa, desenvolvido pelo ICA, sob a tutela do Ministro da Cultura, tem o intuito de aproximar o Cinema Português dos municípios portugueses que não possuem oferta cinematográfica regular.

Nesta edição, as sessões serão antecedidas da exibição de curtas-metragens de animação inspiradas na obra de Bordalo Pinheiro, realizadas pelos alunos da Licenciatura Arte Multimédia/ vertente de Animação da Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa (FBAUL). A exibição está inserida na comemoração dos 170 anos do nascimento de Rafael Bordalo Pinheiro e nos 100 anos do Museu Bordalo Pinheiro e resulta de uma parceria entre o ICA, a Câmara Municipal de Lisboa, a FBAUL e o Museu. Os realizadores destas quatro obras são Daniela Fortuna, Filipa Braz, João Serrano, Pedro Malaca e Tânia Ferrão, com música de Filipe Raposo e sonoplastia de Fernando Fadiga.

Com 12.438 espetadores nas 136 sessões dos três anos anteriores, o Cinema Português em Movimento regressa à estrada em 2016 com a intenção de alargar a sua atividade de promoção e divulgação do cinema português.

“Os Gatos não têm Vertigens”, “Capitão Falcão” e “O Cônsul de Bordéus” são alguns dos filmes a serem exibidos nesta edição.

Esta 4ª edição do Cinema Português em Movimento conta com o apoio de diversas entidades públicas e privadas, nomeadamente com a Rádio e Televisão de Portugal (parceiro media oficial desta iniciativa), a FBAUL, o Museu Bordalo Pinheiro, assim como todas as produtoras que disponibilizam as suas obras contribuindo para a valorização da oferta cultural da programação. Câmaras Municipais envolvidas: Condeixa, Borba, Évora, Fornos de Algodres, Mação, Mêda, Mirandela, Murça, Oleiros, Arronches e São Brás de Alportel.

Fonte: Cinema Português em Movimento