Cinenova 2020: arranca hoje segunda edição

Arranca hoje a 2.ª edição do Festival de Cinema Interuniversitário CineNova, o primeiro Festival de Cinema Interuniversitário do país, organizado pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da NOVA, em Lisboa, a decorrer até ao dia 7 de março.

Na sessão de abertura, será exibido o documentário “Fordlândia Malaise”, de Susana Sousa Dias, um filme sobre a memória e o presente da homónima cidade, agora em ruínas, fundada em 1928 por Henry Ford na floresta amazónica e “Um Ramadão em Lisboa”, de Raquel Carvalheira, Catarina Alves Costa, Teresa Costa, Rodrigo Lacerda, Carlos Lima, Joana Lucas e Amaya Sumpsi. A sessão acontece hoje às 18h30 na Cinemateca Portuguesa, na Sala Luís de Pina.

Organizado por alunos e professores universitários, o Cinenova 2020 selecionou 38 curtas-metragens para competição pelo Melhor Filme Português (prémio de 1000€) e Melhor Filme (prémio de 2000€). O júri da competição internacional é constituído por Anastasia Lukovnikova, Catarina Mourão e Luis Deltell Escolar, enquanto o júri da competição portuguesa é constituído por Luís Mendonça, Joana Gusmão e Teresa Castro.

Programa

5 de março
Masterclass: “Escrita e Cinema”, com Diego Hoefel
10h30 — 11h30
NOVA FCSH, Auditório 1, Torre B (Entrada Livre)

Cinenova Opening Party
18h30 — 21h00
NOVA FCSH (Entrada Livre)
Concerto dos Mordo Mia (20h15 — 21h00)

Sessão de filmes a concurso #1
The Track (Rússia, 14’), de Alexey Evstigneev
Ensaio (Portugal, 14’), de Mariana Santana
Cleats (Turquia, 11’), de Abdullah Şahin
Notas soltas de uma fotógrafa de cena (Portugal, 6’), de Patrícia Andrade
They (Alemanha, 12’), de Louisa Rechenbach
Aguarda-nos um bom dia (Portugal, 21’), de Inês Almodovar
19h00 — 20h30
NOVA FCSH, Auditório 1, Torre B (Entrada Livre)

Cinenova Opening Party
Dj Caju (22h00 — 23h00)
A lake by the moon (23h00 — 00h00)
Djs Bejaflor + Co$tanza (00h00 — 02h00)
22h00 — 02h00
NOVA FCSH (Pulseiras disponíveis na AEFCSH)

6 de março
Debate: “Jovens Realizadores: Oportunidades e Desafios”, com Marian Gaivão e Afonso Mota
18h00 — 19h00
NOVA FCSH, Auditório 1, Torre B (Entrada Livre)

Sessão de filmes a concurso #2
Out (Israel, 27’), de Alon Sahar
Mama (Rússia, 12’), de Anastasia Borisova
The Loop (Polónia, 4’), de Anna Bolińska
Provence (Bélgica, 22’), de Kato De Boeck
A Brand New TV (Sérvia, 15’), de Nina Ognjanovic
Os Monstros Só Saem à Noite (Portugal, 14’), de João Pedro Ferreira
19h15 — 20h45
NOVA FCSH, Auditório 1, Torre B (Entrada Livre)

Sessão de filmes a concurso #3
The hours fall (França, Espanha, 25’), de Blanca Camell Galí
Bear with me (Holanda, 5’), de Daphna Awadish
Her Name is Kenny (França, 3’), de Abraham Sophie
Em Caso de Fogo (Portugal, 23’), de Tomás Paula Marques
Keep It Light (Bélgica, 9’), de Jorn Mampaey
In the Year of ‘49 (Tailândia, 30’), de Maka Nitipisanon
21h00 — 22h30
NOVA FCSH, Auditório 1, Torre B (Entrada Livre)

7 de março
Sessão de filmes a concurso #4
Três Perdidos Fazem Um Encontrado (Portugal, 26’), de Atsushi Kuwayama
Men who invent women (Portugal, 10’), de Pedro Gama
Ronda (Brasil, 25’), de Mauricio Battistuci, Francisco Miguez
Tahrib (Espanha, 11’), de Gerard Vidal-Cortes
Há alguém na terra (Portugal, 17’), de Francisca Magalhães, Joana Tato Borges, Maria Canela
White Graves (Irão, 7’), de Fatemeh Hassani
Corpo (Portugal, 12’), de Catarina Mendes
16h00 — 17h30
NOVA FCSH, Auditório 1, Torre B (Entrada Livre)

Debate: “Fiz um filme e agora? Festivais e novos modos de distribuição”, com Ana David e Anette Dujisin Muharay
18h00 — 19h00
NOVA FCSH, Auditório 1, Torre B (Entrada Livre)

Sessão de filmes a concurso #5
Quando For Tarde (Portugal, 12’), de Matilde Calado
The Way Out (China, 13’), de Vlad Zheng
Centered Mutation (Portugal, 11’), de Margarida Ribeiro
Find me mother (Índia, 4’), de Suchana Saha
Bubby & Them (EUA, 19’), de Hazel Field, Je’Jae Cleopatra Daniels
Terceiro Andar (Brasil, 9’), de Deuilton B. Júnior
Upwind (Itália, 28’), de Giovanni Gaetani Liseo
19h15 — 20h45
NOVA FCSH, Auditório 1, Torre B (Entrada Livre)

Sessão de filmes a concurso #6
You Can Become Anything (Bélgica, 17’), de Simon Cools
Being Uncanny (Portugal, 7’), de Filipa Monteiro Alves, Maria Mota Barbosa
El Cuarto Cuerpo (Argentina, 11’), de Agustina Grillo, Manuela Gamboa
Em Junho (Portugal, 16’), de Henrique Brazão
Amateur (Itália, 15’), de Simone Bozzelli
Uzzi (Israel, 20’),  de Ido Weisman
21h00 — 22h30
NOVA FCSH, Auditório 1, Torre B (Entrada Livre)

Cerimónia de entrega de Prémios
22h30
NOVA FCSH, Auditório 1, Torre B (Entrada Livre)