Curtas de Roman Polanski em Filme-Concerto

Roman Polanski_2

Na próxima quarta-feira, 4 de fevereiro, vai realizar-se um Filme-Concerto de três curtas-metragens de Roman Polanski, no Teatro Viriato, em Viseu, às 21h30. Em parceria com o Cine Clube de Viseu, vão ser musicadas ao vivo as curtas-metragens “A Lâmpada” (1959), “Mamíferos” (1962) e “Dois Homens e um Armário” (1958).

No seu conjunto, os filmes iniciais de Polanski podem ser vistos como a antecâmara de uma carreira que veio a percorrer os géneros mais diversificados: da tragédia histórica (“O pianista”, 2002), o noir (“Chinatown” 1974), passando pelo cinema de terror (“Rosemary’s baby”, 1968).

Polanksi é um dos grandes cineastas em atividade, e esta sessão com as primeiras obras, onde não falta a urgência dos melhores filmes iniciais, é, pois, uma oportunidade muito especial que todos os que gostam de cinema não quererão perder.

Em “A Lâmpada”, que será musicado por Hélder Ramos, Roman Polanski explora ambientes sinistros e inquietantes para lançar a dúvida: será que as bonecas ganham vida na ausência de presença humana? “Mamíferos”, filmado clandestinamente, numa paisagem pintada pela neve e pelo humor non-sense, será musicado ao vivo pelo músico Duvale. Já “Dois Homens e um Armário” encerra em si uma espécie de fábula surrealista sobre as contradições do quotidiano. Um trabalho inspirado no absurdo de Beckett que terá banda sonora criada por Hugo Simões.

 

– “A Lâmpada”

Piano digital, loopstation, baixo elétrico e pedaleira boss Helder Ramos

– “Mamíferos”

Guitarra clássica Duvale

– “Dois Homens e um Armário”

Guitarra Hugo Simões

Violino Gustavo Humberto Delgado

Viola d’Arco Olena Sokolovska

Violoncelo Rogério Peixinho

Produção Teatro Municipal da Guarda

Fonte: Teatro Viriato