O destaque da semana vai para “Pedro e Inês”, o novo filme de António Ferreira (“Embargo”), uma adaptação do romance “A Trança de Inês”, de Rosa Lobato de Faria, que, por sua vez, se inspira na trágica história de amor entre o rei D. Pedro (1320-1367) e Inês de Castro, rainha póstuma de Portugal. Diogo Amaral, Joana De Verona, Vera Kolodzig, Miguel Borges e João Lagarto integram o elenco principal. “Pedro e Inês” foi seleccionado para competir no Festival Internacional de Cinema de Montreal (Canadá) e foi apresentado na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo (Brasil). Produzido pela Persona Non Grata Pictures, “Pedro e Inês” estreia hoje nas salas de cinema nacionais.

“Uma conhecida história de amor contada em três versões e séculos distintos: no passado, no presente e no futuro. Pedro e Inês reencontram-se através dos tempos, uma e outra vez. Mas, quaisquer que sejam as circunstâncias e a época em que vivam, o seu amor é  impossível…”

Sinopse: CineCartaz