O destaque da semana é “Sítio Certo, História Errada”, um filme sobre as múltiplas possibilidades na vida de alguém que se busca a si mesmo e que conta com argumento e realização do sul-coreano Hong Sang-soo (“Noite e Dia”, “Hahaha”, “Noutro País”). “Sítio Certo, História Errada” estreia hoje nas salas de cinema portuguesas.

Duas variações de um mesmo encontro romântico entre duas pessoas. Na primeira parte do filme, o realizador Ham Cheon-soo chega à cidade de Suwon (Coreia do Sul) para marcar presença numa mostra dos seus filmes. Por lapso, o evento só acontece no dia seguinte. Com um dia inteiro livre de compromissos, ele decide conhecer o local. É assim que conhece Yoon Hee-jeong, uma jovem e bela artista plástica, com quem sente uma empatia quase imediata. Depois de uma longa conversa, os dois passeiam-se pela cidade. Ela leva-o a conhecer o seu estúdio, jantam juntos e, ao fim da noite, reúnem-se com alguns amigos. Nesta sucessão de acontecimentos, a relação entre ambos estreita-se. Porém, no final daquele dia, uma revelação inesperada vai alterar a forma como ambos se vêem um ao outro. Na segunda parte do filme, o encontro deste casal repete-se, mas desta vez com pequenas variações que desviam o rumo dos acontecimentos.

Sinopse: Cinecartaz Público