“7 Dias em Havana”
de Leonardo Padura
França – Drama – 2012
Sinopse: Cada episódio acontece num dia da semana, e segue a rotina de vida das suas extraordinárias personagens. Um mundo longe dos conhecidos clichés turísticos, 7 Days in Havana tem como objectivo mostrar a alma da cidade e os seus diversos bairros, atmosferas, gerações e culturas, num estilo emocionante e engraçado. Sete realizadores (um cubano e seis de outros países) partilham um mesmo propósito: capturar, através das suas sensibilidades, origens e géneros cinematográficos, a energia e vitalidade que tornam Havana única. Alguns escolheram ver a cidade através do seu olhar estrangeiro, outros preferiram uma abordagem mais profunda e buscaram a inspiração nos habitantes locais. Todas as sete histórias têm argumentos independentes, mas as muitas ligações entre elas ajudam a criar uma forte unidade dramática. Lugares partilhados ajudam a esta ligação: paisagens emblemáticas de Havana, como a praia ou o Hotel Nacional constituem o pano de fundo de alguns dos capítulos. Vários personagens aparecem em mais do que uma história – o protagonista de um dos argumentos desempenha um papel secundário em outro – ligando subtilmente as histórias e mostrando que em Havana todas as esferas sociais se movimentam lado a lado, entrelaçando-se e cruzando-se em vários momentos da semana.

“Jerichow”
de Christian Petzold
Alemanha – Drama – 2008
Sinopse: Thomas, um veterano do Afeganistão que foi desonrosamente exonerado, regressa à sua terra natal, Jerichow, onde é contratado como motorista por um empresário turco-alemão, proprietário de uma cadeia de snack-bar. Ao apaixonar-se por Laura, a mulher do patrão, nasce um clássico triângulo amoroso, que se desenrola no nordeste alemão. Apanhados pela culpa e pela liberdade, pela paixão e pela racionalidade, os protagonistas perdem a esperança na realização dos seus sonhos…

“ParaNorman”
de Chris Butler, Sam Fell
EUA – Animação – 2012
Sinopse: Um rapaz incompreendido que consegue falar com os mortos, reúne um grupo de fantasmas, zombies e adultos muito estranhos para salvar a cidade de uma antiga maldição.

“Patrulha de Bairro”
de Akiva Schaffer
EUA – Comédia – 2012
Sinopse: Numa pequena cidade de província, dá-se um acontecimento horrível. Evan um pacato cidadão que ama a sua mulher e se preocupa com a segurança da cidade, decide criar uma “Patrulha de Bairro” para juntar quem estivesse preocupado com a segurança da cidade e investigar quaisquer actividades suspeitas que a pequena esquadra de polícia não consiga detectar. E quando acidentalmente descobrem que a cidade está a ser invadida por alienigenas disfarçados de habitante normal, não têm outra saída que não seja tomar a defesa da cidade e do mundo do extermínio total.

“Sempre a Abrir”
de David Palmer, Dax Shepard
EUA – Ação/Aventura – 2012
Sinopse: Charlie Bronson, um ex-assaltante de bancos, vive anónimo com sua a namorada Annie numa pequena cidade da Califórnia, ao abrigo do programa de protecção de testemunhas. Um dia decide deixar esta protecção e viajar para Los Angeles para ajudar Annie a alcançar o seu emprego de sonho. Mas o que devia ser um calmo passeio de carro acaba por tornar-se numa louca e caótica fuga quando Charlie se vê perseguido pelos seus ex-cúmplices (liderados por Bradley Cooper) e pelo trapalhão U.S. Marshal. Rapidamente a viagem se transforma numa animada perseguição de alta-velocidade.

“Uma Vida Melhor”
de Cédric Kahn
França – Drama – 2011
Sinopse: Yann, um cozinheiro, e Nadia, uma empregada de mesa e mãe de um rapaz de 9 anos, decidem arriscar tudo na compra de um restaurante. Com talento, energia, amor e sonhos em abundância, mas sem dinheiro, vêem-se enredados numa selva de financiamentos e empréstimos bancários que rapidamente os oprime. Para os socorrer, Nadia aceita um emprego no Canadá, enquanto Yann fica para trás juntamente com o filho para salvar o restaurante.

“Verónica Decide Morrer”
de Emily Young
EUA – Drama – 2009
Sinopse: Veronika acorda num hospital para doentes mentais após uma tentativa falhada de suicídio. Descobre que tem um coração fraco e poucos dias de vida. Baseado no livro de Paulo Coelho.