Fantasporto 2020: “Willow” venceu o Grande Prémio da Semana dos Realizadores

O realizador macedónio Milcho Manchevski foi o vencedor do Grande Prémio da Semana dos Realizadores – Prémio Manoel de Oliveira na 40.ª edição do Fantasporto – Festival Internacional de Cinema do Porto com o filme “Willow”, sendo a segunda vez em três anos que conquista este prémio.

Manchevski é um dos mais afamados realizadores da atualidade. Além de ter conquistado o Leão de Ouro de Veneza e Prémios em Berlim, viu a sua obra homenageada no Festival do Porto com o Prémio por uma Carreira, em 2016.

“Willow” é uma coprodução entre a República da Macedónia, a Hungria e a Bélgica, no qual três mulheres têm de lutar pelo controlo dos seus corpos. Em causa está a tradição, a lealdade, a gravidez e a adoção. Será exibido hoje pelas 19 horas, no Rivoli, com a presença do realizador.

Milcho Manchevski, que também viu o seu filme “Before the Rain” nomeado para os Óscares, venceu ao longo da sua carreira mais de trinta prémios em eventos internacionais. Nascido na Macedónia, tem a sua atividade atualmente sediada em Nova Iorque e cruza-a com a de escritor e professor em diversas universidades.

O júri internacional atribuiu ainda o prémio de Melhor Realizador e Melhor Argumento ao húngaro Béla Bagoti pelo filme “Valan — Valley of the Angels”. Já o de Melhor Ator foi para o turco Cem Bender em “Omar and Us”, e o de Melhor Atriz foi entregue à sul-coreana Lee Young-ae em “Bring Me Home”. O Prémio Especial do Júri foi entregue ao argentino Francisco Bendomir pelo filme “Una Chica Invisible”.

Os restantes prémios do Fantasporto 2020 serão entregues este sábado à noite.