"Fuligem" (2014)_2

Terminou no passado sábado a 13º edição do FIKE – Festival Internacional de Curtas Metragens com a habitual cerimónia de entrega dos prémios, que decorreu nas cidades de Évora, Beja e Portalegre. O Prémio FIKE Melhor Ficção foi atribuído ao filme russo “February” de Ruslan Magomadov, assim como uma Menção Especial Fotografia. Este filme baseia-se em factos verídicos. É a história de dois irmãos que ficam sozinhos durante a deportação do povo tchetcheno por Estaline em 1944.

O Prémio FIKE Documentário – Troféu FIKE / Estação Imagem foi entregue a “Formalin und Spiritus” de Iris Fegerl, o Prémio da Organização foi entregue a “Cinema” de Rodrigo Areias (Portugal) e a multi-premiada curta-metragem de animação “Fuligem”, de David Doutel e Vasco Sá, foi galardoado com o Prémio FIKE Melhor Animação e o Prémio Direção Reginal de Cultura do Alentejo para o Melhor Filme Português.

 

Prémio FIKE Melhor Ficção

February, de Ruslan Magomadov (Rússia)

Prémio FIKE Documentário – Troféu FIKE / Estação Imagem

Formalin und Spiritus, de Iris Fegerl (Alemanha)

Menção Especial Documentário

Noz w Wozie, de Vita Drygas (Polónia)

Prémio FIKE Melhor Animação

Fuligem, de David Doutel e Vasco Sá (Portugal)

Menção Especial Animação

Padre, de Santiago Bou Grasso (Argentina)

Prémio Direção Reginal de Cultura do Alentejo para o Melhor Filme Português

Fuligem, de David Doutel e Vasco Sá (Portugal)

Prémio Comendador Rui Nabeiro para a Melhor Curta-Metragem Europeia

Anomalo, de Aitor Gutierrez (Espanha)

Prémio FIKE Melhor Argumento

Tormenta de Verano, Florencia Román (Argentina)

Prémio FIKE Melhor Fotografia

Soroa, Gaizka Bourgeaud (Espanha)

Menção Especial Fotografia

February, de Ruslan Magomadov (Rússia)

Prémio FIKE Melhor Representação

Zina Esepciuc, Philippe du Janerand, Dominique Pinon e Dominique Uber, em Ferdinand Knapp

Menção Especial Melhor Representação

Nicholas Denton, em Rabbit

Prémio do Público

Conte de Fées à l’Usage des Moyennes Personnes, de Chloé Mazlo (França)

Prémio da Organização

Cinema, de Rodrigo Areias (Portugal)