"Porto, Mon Amour" (2015)_1

O filme “Porto, Mon Amour”, ainda em rodagem, foi oficialmente apresentado à imprensa no passado dia 11 de fevereiro, na Câmara Municipal do Porto, tendo contado com a presença do presidente da Câmara Rui Moreira, o vereador da Cultura Paulo Cunha e Silvado realizador brasileiro Gabe Klinger, dos atores Anton Yelchin e Lucie Lucas, do produtor Rodrigo Areias.

A Câmara acredita que este projeto possa trazer grande benefícios para a cidade, permitindo que esta se torne mais presente na filmografia internacional. Com “Porto, Mon Amour” será possível a promoção de uma estratégia turística e cultural para a cidade.

Durante a conferência de imprensa Rui Moreira realçou que este, “é um momento particularmente importante de afirmação da cidade em novos circuitos e sistemas, que pretendemos potenciar. É esta a nossa estratégia”.

Já o vereador da Cultura, Paulo Cunha e Silva, lembrou que “para lá do importante trabalho desenvolvido de Manoel de Oliveira, a presença do Porto é diminuta. Por isso, a promoção de uma estratégia turística e cultural passa pelo cinema e é isso que vamos fazer, renovando o papel da ‘Porto Film Comission’, que contará com o apoio da Frente Atlântica”.

Gabe Klinger considerou que “o Porto é eterno, é fascinação com história e cultura”, destacando que em qualquer ‘frame’ do filme, ao virar a câmara, é possível estar “no século XIII, no século XV, no século XVIII e no século XXI”. “Este filme é sobre personagens que exploram a arqueologia do tempo nas suas vidas. É uma cidade que permite esta exploração do tempo”.

O filme, realizado por Gabe Klinger, realizador do aclamado documentário “Jogo Duplo: James Benning and Richard Linklater” (2013), vencedor do Leão para Melhor Documentário no Festival de Veneza, que tem uma produção executiva de Jim Jarmusch e co-produção do português Rodrigo Areias (a produtora Bando À Parte), conta a história de amor entre um americano (Anton Yelchin) e uma francesa (Lucie Lucas) na cidade do Porto. Sabe-se ainda que o restante elenco é composto por Françoise Lebrun, Paulo Calatré e Filomena Gigante.

De acordo com a sinopse do filme, um americano e uma francesa partilham uma noite na cidade do Porto que lhes vai mudar a vida, permitindo que, “como um enigma”, sejam percorridas as vivências das duas personagens desde a infância até à morte.

As filmagens continuam a decorrer na cidade Invicta, sendo este o primeiro filme internacional que tem o apoio da Câmara Municipal do Porto. A estreia nos cinemas de “Porto, Mon Amour” está prevista para finais de 2015 ou inícios de 2016.

Fonte: Câmara Municipal do Porto – Porto.