Globos de Ouro 2023: premiação não será exibida em Portugal e no Brasil

golden globe 39

Após a polémica edição de 2022, acontece hoje, 10, a 80.ª edição dos Globos de Ouro.

Isso mesmo, com transmissão ao vivo pela NBC e pela Peacock, os Globos de Ouro regressaram à programação televisiva norte-americana e mundial. Contudo, o mesmo não vale para dois países da comunidade lusófona.

Recentemente, a estação NBC comunicou que a cerimónia não será transmitida em diversos países. Nesse panorama, Portugal e Brasil são dois exemplos. Infelizmente, a cerimónia não será exibida em qualquer canal português.

Entretanto, o motivo da não exibição em solo brasileiro é bem simples, a TNT, emissora que tradicionalmente exibe o evento no Brasil, não adquiriu os direitos de exibição da edição deste ano, segundo reporta o portal Techtudo – ano passado, após polémicas, a emissora resolveu suspender a exibição.

Ademais, o portal apurou que, assim como em anos anteriores, o canal E! cobrirá o tapete vermelho do evento, com encerramento após o começo da cerimônia. Felizmente, apesar do hiato televisivo, o público pode conferir todos os detalhes relacionados ao evento na Internet via redes sociais.

 

 

A polémica 79ª. edição

Ano passado, a NBC tomou a decisão de não transmitir a premiação, após uma denúncia de que a HFPA não tinha integrantes negros, o que também trouxe à tona acusações de histórico sexista e falta de diversidade étnica dos integrantes da organização.

A imprensa estadunidense apurou que não havia nenhuma pessoa negra entre os 80 membros da HFPA. Também foi revelado que vários integrantes da associação aceitavam presentes e estadias luxuosas em hotéis oferecidas pelos estúdios, que faziam campanha pela indicação de seus títulos no Globo de Ouro.

Por conta disso, a HFPA se comprometeu a mudar, abrindo vagas para novos membros e mudando várias de suas regras, incluindo a adoção de um manual de ética. Porém, poucos levaram fé nas promessas e o boicote ao evento foi mantido.

Por conseguinte, após os esforços iniciais para se “renovar”, a organização aprovou seis integrantes negros em 1 de outubro de 2022 – um resultado pífio, que tornou os eleitores do Globo de Ouro apenas 5,7% mais diversos que no ano passado.

A premiação sem entrega de prêmios serviu basicamente para que os responsáveis pelo Globo de Ouro voltem a se comprometer com mudanças, visando viabilizar a transmissão televisiva de seu evento com celebridades em 2023.

Recorde os NOMEADOS desta edição.

Skip to content