Goyas 2021: Vencedores

Las-Ninas-Goyas-2021-1

“Las Niñas”, a primeira longa-metragem da cineasta Pilar Palomero, foi o grande vencedor da 35.ª edição dos Prémios Goya ao arrecadar quatro troféus incluindo os de Melhor Filme, Melhor Realização Revelação, Melhor Argumento Original e Melhor Fotografia.

Pilar Palomero fez história ao ser a primeira mulher a ser distinguida com o prémio para o Melhor Filme. “Las Niñas”, que contava com 9 nomeações, é um filme semi-autobiográfico que retrata a passagem para a adolescência de um grupo de alunas num colégio de freiras, nos anos 1990.

“Adú”, um filme sobre a imigração e que era também um dos favoritos aos Goyas 2021, venceu nas categorias de Melhor Realização, Melhor Ator Revelação, Melhor Direcção de Produção e Melhor Som.

Os Goyas são os mais importantes prémios cinematográficos de Espanha, entregues pela Academia das Artes e das Ciências Cinematográficas de Espanha.

Melhor Filme
Las Niñas, de Pilar Palomero

Melhor Documentário
El Año del Descubrimiento, de Luis López Carrasco

Melhor Filme de Animação
La Gallina Turuleca, de Eduardo Gondell e Víctor Monigote

Melhor Filme Ibero-Americano
El Olvido que Seremos, de Fernando Trueba (Colômbia)

Melhor Filme Europeu
The Father, de Florian Zeller (Reino Unido)

Melhor Realização
Salvador Calvo, por Adú

Melhor Realização Revelação
Pilar Palomero, por Las Niñas

Melhor Ator
Mario Casas, em No Matarás

Melhor Atriz
Patricia López Arnaiz, em Ane

Melhor Ator Secundário
Alberto San Juan, em Sentimental

Melhor Atriz Secundária
Nathalie Poza, em La Boda de Rosa

Melhor Ator Revelação
Adam Nourou, em Adú

Melhor Atriz Revelação
Jone Laspiur, em Ane

Melhor Argumento Original
Pilar Palomero, Las Niñas

Melhor Argumento Adaptado
David Pérez Sañudo e Marina Parés Pulido, Ane

Melhor Direcção de Produção
Adú

Melhor Montagem
El Año del Descubrimiento

Melhor Fotografia
Las Niñas

Melhor Música Original
Aránzazu Calleja e Maite Arroitajauregi, Akelarre

Melhor Canção Original
“Que No, que No”, de María Rozalén, La Boda de Rosa

Melhor Som
Adú

Melhor Direcção Artística
Akelarre

Melhor Guarda-Roupa
Akelarre

Melhor Maquilhagem e Cabelos
Akelarre

Melhor Efeitos Especiais
Akelarre

Melhor Curta-Metragem de Ficção
A la Cara, de Javier Marco Rico

Melhor Documentário – Curta-Metragem
Biografía del Cadáver de una Mujer, de Mabel Lozano

Melhor Curta-Metragem de Animação
Blue & Malone: Casos Imposibles, de Abraham López Guerrero

Goya de Honor
Ángela Molina

Artigos Relacionados

Skip to content