Arranca hoje a 10ª edição do Monstra – Festival de Animação de Lisboa, um dos mais importantes festivais de cinema nacionais e de animação, que decorre de 21 a 27 de Março, nos cinemas São Jorge, City Alvalade e Fundação Calouste Gulbenkian. A Monstra 2011 terá como país convidado a Holanda, com uma retrospectiva dedicada à sua obra e na qual se destacam nomes como Monique Renault, Marie José van der Linden e Cilia van Dijk. Haverá ainda outra retrospectiva, talvez a mais aguardada, de cinema de animação japonesa, dos estúdios Ghibli, fundados pelo realizador Hayao Miyazaki. Serão exibidas seis longas-metragens de animação, “Castle in the Sky” (1986), “My Neighbor Totoro” (1988), “Porco Rosso” (1992) e “Princess Mononoke” (1997). Esta edição contará ainda com exposições, retrospectivas, «masterclasses», mais convidados importantes e com cerca de 60 filmes que foram seleccionados.

 

Na secção das curtas foi criada uma nova secção competitiva, intitulada “Curtíssimas”, que estará aberta a todos os filmes de animação que tenham o máximo de dois minutos de duração. A competição de longas-metragens conta este ano com oito filmes, “Summer Wars” (2009) do Japão, “Metropia” (2009) da Suécia, “L’illusionniste” (2010) da França, “Technotise, Edit and I” (2009) da Jugoslávia, “Ugly Ducking” (2010) da Rússia, “Life without Gabriella Ferri” (2008) da Estónia, “Piercing I” (2010) da China e “Chico & Rita” (2010) da Espanha. Este último é um dos mais aguardados da 10ª edição do Monstra, que tem recebido muitos elogios em todo o mundo, realizado por Fernando Trueba (“Belle Époque”). “Piercing I” participou na competição oficial de longas-metragens e “L’illusionniste” foi o filme de abertura do Cinanima 2010.

SPOT MONSTRA 2011 from Festival Monstra on Vimeo.