Foram ontem entregues os prémios da 10ª edição do Monstra – Festival de Animação de Lisboa, que decorreu de 21 a 27 de Março. O filme chinês “Piercing 1” de Liu Jian venceu o Grande Prémio Monstra/RTP2 para Melhor Longa-Metragem, depois de já ter sido vencedor no Cinanima 2010. “O Mágico”, de Silvain Chomet, (já distinguido com um César) venceu o Prémio do Público e “Life Without Gabriela Ferri”, de Pritt Pärn, venceu o Prémio Especial do Júri. Das curtas-metragens portuguesas em competição destacou-se “Cozido à Portuguesa” de Natália Andrade, que foi considerada a Melhor curta-metragem portuguesa.

 

Competição de Longas-Metragens:

Melhor longa-metragem

“Piercing 1”, de Liu Jian (China)

 

Prémio do Público

“O Mágico”, de Silvain Chomet (França)

 

Prémio Especial do Júri

“Life Without Gabriela Ferri”, de Pritt Pärn

 

Melhor Banda Sonora

“Chico & Rita”, de Javier Mariscal e Fernando Trueba (Espanha)

 

Competição Curtas de Estudantes

Melhor curta-metragem portuguesa

“Cozido à Portuguesa”, de Natália Andrade

 

Melhor curta-metragem

“Villiam”, de Vronika Obertova

 

Prémio do Público

“Swimming Pool”, de Alexandra Hetmerová

 

Menções honrosas

“The Gallery”, de Robert Proch

“Like Mother”, Like Daughter, de Alexandra Lukina

“White no White”, de Anna Bergamnn

“Escape his Stare”, de C. Chen

 

Prémio Núcleo de Animação de Campinas

“Conquistador Descobre”, de Ana Reis, Cláudio Sá e Tatiana Duarte

 

Competição Curtas de Estudantes (júri Jovem)

Melhor Curta de Estudantes Portuguesa

“Journey to the Sunflower Field”, de Alexandre Siqueira

 

Melhor Curta de Estudantes

“Peacock Eye”, de Geralando Infuso

 

Menção Honrosa

“Villiam”, de Vronika Obertova

“Loom”, de I. Brunck, J. Bitzer e C. Letay

 

Competição Curtíssimas

Melhor Curtíssima Portuguesa

“The Skin on me”, de Teresa Cortez

 

Melhor Curtíssima

“Agobago’s Dream”, de Borbála Tomp

 

Prémio do Público

“Videologic”, de Donato Sansone

 

Menção Honrosa

“Videologic”, de Donato Sansone

“White Tape”, de Michal e Uri Kranot

 

Prémio Onda Curta

“Mobile”, de Verena Fells

“Aleksander”, de Remy Dereux, Maxime Hilbon, Juliette Klauser, Raphaelle Ranson e Luise Seunhaeve

“Plato”, de Léonard Cohen

“Stanley Pickle”, Stanley Picule, de Victoria Matuga

“Matatoro”, de Raphael Calamote, Mauro Carraro e Jeremy Pasquet

“Hezarfen”, de Ari Tolga, Romain Blanchet, Remy Hurlin e Georges Huang

“The Gallery”, de Robert Proch