Morreu Sir Roger Moore

O Sir Roger Moore morreu hoje aos 89 anos, na Suíça, após uma curta, mas corajosa, luta contra o cancro. Conhecido sobretudo pela sua interpretação do papel do agente secreto 007, James Bond, Moore participou em mais de 50 filmes.

Foi o terceiro ator a interpretar James Bond, depois do australiano George Lazenby e do escocês Sean Connery, tendo Moore participado em sete filmes, sendo até ao momento o ator a interpretar o agente 007 por mais tempo (12 anos). A sua carreira como James Bond começou em 1973, no filme “007 – Vive e Deixa Morrer”. Seguiram-se: “007 – O Homem da Pistola Dourada” (1974), “007 – Agente Irresistível” (1977), “007 – Aventura no Espaço” (1979), “007 – Missão Ultra-Secreta” (1981), “007 – Operação Tentáculo” (1983) e “007 – Alvo em Movimento” (1985).

Mas a sua carreira e fama começaram muito antes do 007. Nascido em Londres em 1927, Moore trabalhou como modelo e fez televisão em meados da década de 1940 e 1950. Assinou contrato com o estúdio Metro-Goldwin-Mayer e entrou em filmes como “A Última Vez Que Vi Paris” (1954), “O Ladrão do Rei” (1955) e “Diana de França” (1956). Moore foi construindo a sua carreira entre a TV britânica, com a série “O Santo” (entre 1962 e 1969 – emitida em mais de 80 países) que o tornou famoso mundialmente, e entre os filmes de Hollywood.

Para além da sua carreira, Moore ficou conhecido pelas suas obras de caridade, tendo sido escolhido como embaixador da boa vontade da Unicef.

Skip to content