MOTELx 2012: “A Bruxa de Arroios” é o grande vencedor

Captura de ecrã 2012 09 17 às 00.30.48 1 Captura de ecrã 2012 09 17 às 00.30.48 2

Captura de ecrã 2012 09 17 às 00.30.48 3

“A Bruxa de Arroios”, realizado por Manuel Pureza e escrito por Ricardo Oliveira, venceu hoje o prémio de Melhor Curta de Terror Portuguesa 2012, da 6ª edição do MOTELx – Festival Internacional de Cinema de Terror.

 

A curta de quinze minutos, que conta com Rita Blanco e José Martins no elenco, para além do prémio monetário de 3 mil euros, recebeU também o Méliès d’Argent, ficando seleccionada para o Méliès d’Or Melhor Curta-Metragem Europeia, atribuído anualmente no Festival de Sitges (Espanha) pela Federação Europeia de Festivais de Cinema Fantástico (EFFFF). O prémio complementa-se ainda com serviços de pós-produção vídeo na Pixel Bunker e pós-produção áudio na Obviosom, 5 mil e 3 mil euros respectivamente, um voucher da Odd School (800 euros) e um fim-de-semana de inspiração num dos Hotéis Belver.

 

O júri do festival, constituído pelos músicos Filipe Melo e Paulo Furtado e pelo realizador Pal Sletaune, atribuiu ainda uma menção especial à curta “O Reino”, de Paulo Castilho.

 

Add a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Skip to content