Arranca hoje 12.ª edição do MOTELX – Festival Internacional de Cinema de Terror de Lisboa, com a estreia de “The Nun – A Freira Maldita”, do britânico Corin Hardy, o novo filme da saga “The Conjuring” que recebe uma nova história que desafia a fé dos protagonistas e dos espectadores. A sessão de abertura realiza-se hoje às 21h30 na Sala Manoel de Oliveira no Cinema São Jorge.

“Quando uma jovem freira numa abadia isolada na Roménia tira a sua própria vida, um padre com um passado assombrado e uma noviça no limiar dos seus votos finais são enviados pelo Vaticano para investigarem este caso. Juntos descobrem o segredo profano da ordem. Pondo em risco as suas vidas, a sua fé e as próprias almas, confrontam uma força maléfica na forma da mesma freira demoníaca que aterrorizou os espectadores em “The Conjuring 2”, e a abadia torna-se num campo de batalha entre os vivos e os malditos. Depois de “Annabelle”, trata-se do segundo spin off da saga realizada por James Wan, que aqui surge como produtor. Nos créditos encontramos também Gary Dauberman, argumentista de “It” e na realização Corin Hardy, conhecido do público do MOTELX quando veio apresentar “The Hallow” em 2016.”

Fazem ainda parte desta secção os filmes “Brother’s Nest”, de Clayton Jacobson, “Vutterhead”, de Rasmus Kloster Bro, “Ghost Stories”, de Andy Nyman e Jeremy Dyson, “Ghostland”, de Pascal Laugier, “Mandy”, de Panos Cosmatos, “Morto Não Fala”, de Dannison Ramalho, “Piercing”, de Nicolas Pesce, “Terrified”, de Demián Rugna, “The Ranger”, de Jenn Wexlere “Tigers Are Not Afraid”, de Issa Lopez.

A 12ª edição do MOTELx celebra o 200º aniversário de Frankenstein. A Cinemateca junta-se para celebrar o bicentenário da publicação do romance gótico de Mary Shelley, “Frankenstein: Ou O Moderno Prometeu”. O programa proposto conta com clássicos em 35mm como “Frankenstein” (com Boris Karloff), “The Curse of Frankenstein” (com Christopher Lee), mas também variações, como o biópico sobre James Whale, criador da icónica imagem do monstro de Mary Shelley, “Gods and Monsters” ou o filme de culto “Monster Squad”, de Fred Dekker. Para o público mais jovem, serão exibidos filmes como “A Noiva de Frankenstein”, de James Whale ou “O Mundo É um Manicómio”, de Frank Capra, mas também filmes de animação contemporâneos, tais como “Frankenweenie”, de Tim Burton e “Hotel Transylvania”, de Genndy Tartakovsky, sempre com um dos monstros mais reconhecidos mundialmente como tema.

Fonte: MOTELx