amazon-mgm-2

Negócio fechado entre Amazon e MGM

A Amazon e a MGM anunciaram oficialmente o acordo de fusão. A Amazon vai mesmo comprar o estúdio MGM, um dos mais antigos e prestigiados de Hollywood, por 8,45 mil milhões de dólares, ao fim de meses de negociações.

Este acordo vai permitir que os cerca de 4 mil filmes do catálogo da MGM e os cerca de 17 mil programas de séries de TV passem a estar disponíveis na plataforma de streaming da Amazon Prime.

Com este acordo a Amazon passa a ser um forte concorrente no mercado do streaming. Um dos grandes trunfos da MGM é a saga de “James Bond”, “Robocop”, Rocky”, “Tomb Raider”, “The Pink Panther”, entre outras. Para a televisão, o seu catálogo tem séries como “Vikings”, “Fargo” e “The Handmaid’s Tale”.

A Amazon tem atualmente cerca de 175 milhões de subscritores no serviço do Prime Video, estando ainda a trás da Netflix, que lidera o mercado com 208 milhões de subscritores.

“Foi uma honra ter participado da incrível transformação da Metro Goldwyn Mayer. Para chegar aqui, foram necessárias pessoas imensamente talentosas com uma verdadeira crença em uma visão. Em nome do Conselho, gostaria de agradecer à equipa da MGM que nos ajudou a chegar a este dia histórico”, disse Kevin Ulrich, Presidente do Conselho de Administração da MGM. “Estou muito orgulhoso de que o Leão da MGM, que há muito evoca a Idade de Ouro de Hollywood, continuará a sua história, e a ideia nascida da criação da United Artists vive de uma forma que os seus fundadores pretendiam originalmente, movidos pelo talento e a sua visão. A oportunidade de alinhar a história da MGM com a Amazon é uma combinação inspiradora.”

Skip to content