New York Film Critics Online 2022: Vencedores

MCDBAOF H4009 scaled 1 MCDBAOF H4009 scaled 2

O último domingo foi animado, no dia em questão, os críticos do New York Film Critics Online elegerem os melhores do ano. Além disso, o dia também foi marcado pela revelação dos melhores do ano para os críticos da Los Angeles Film Critics Association e os da Boston Society of Film Critics.

Barrando a hegemonia de “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo”, de Daniel Kwan e Daniel Scheinert e  Top Gun: Maverick, de Joseph Kosinski, o grupo nova-iorquino elegeu a comédia dramática irlandesa “The Banshees of Inisherin”, de Martin McDonagh como o Melhor Filme do ano de 2022. O longa arrebatou os críticos da New York Film Critics Online, tanto que levou os prémios de Melhor Filme, Melhor Realizador, Melhor Ator (Colin Farrell), Ator Secundário (Brendan Gleeson) e Melhor Argumento.

Recordamos que, Colin Farrell e Brendan Gleeson foram recebidos com aplausos acalorados de 12 minutos no Festival de Cinema de Veneza. A dupla não trabalha junto desde do sucesso “In Bruges”, também de McDonagh. Dessa maneira, assim como, Kodi Smit-McPhee e Jesse Plemons, de “O Poder do Cão”, e Ciarán Hinds e Jamie Dornan, de “Belfast”, a dupla está despontando na temporada 2022/2023.

 

Gleeson

Até aqui, no âmbito de atores secundários, Gleeson junto com Paul DanoKe Huy Quan são os mais listados na temporada. O eterno Alastor Moody da icónica série Harry Potter, tem tudo para ter uma das cinco vagas do Óscar de Melhor Ator Secundário 2023.

Vale lembrar que Gleeson teve uma ótima temporada em 2014/2015 com o drama “Calvário”, de John Michael McDonagh. O filme conta a história de um padre com boas intenções e o desejo de tornar o mundo um lugar melhor, mas encontra-se continuamente chocado e entristecido com os habitantes rancorosos e os confrontos que ocorrem em sua cidade. Um dia, ele é ameaçado durante uma confissão, e se vê cercado de perigos a todo momento.

Por sua performance, Gleeson ganhou o Boston Online Film Critics Association de Melhor Ator, o British Independent Film Award de Melhor Ator, o Irish Film and Television Awards de Melhor Ator e o Transilvania International Film Festival de Melhor Ator. Além de nomeações na categoria de Melhor Ator, nos seguintes prémios: Detroit Film Critics Society AwardsEuropean Film Awards, National Film AwardsNorth Carolina Film Critics AssociationOnline Film Critics Society Awards, Phoenix Film Critics Society AwardsSan Diego Film Critics Society Awards Village Voice Film Poll – Na época, estava entre os cotados ao Óscar.

 

 

Farrell

Em universo formado por Austin Butler (“Elvis”), Paul Mescal (“Aftersun”), Tom Cruise (“Top Gun: Maverick”), Hugh Jackman (“The Son”), Adam Driver (“Ruído Branco”), Adam Sandler (“Arremessando Alto”), Bill Nighy (“Living”) e Brendan Fraser, Colin Farrell é um dos maiores vencedores da temporada. Além de “The Banshees of Inisherin”, na temporada, o irlandês concorre também por sua performance no longa “A Vida Depois de Yang”, de Kogonada.

Até agora, na temporada 2022/23, Farrell já conquistou os críticos da Atlanta Film Critics Circle, Boston Society of Film Critics Awards, National Board of Review, New York Film Critics Circle Awards, Palm Springs International Film Festival, Southeastern Film Critics Association Awards, Venice Film Festival e da Washington DC Area Film Critics Association Awards – Bom, nem precisamos dizer que ele é um dos favoritos a levar a tão cobiçada estatueta de Melhor Ator.

 

 

Charlotte Wells

Corroborando com a classe, os críticos concederem a Charlotte Wells o prémio de Melhor Realização de Estreia. No mesmo dia, a escocesa também ganhou o prémio de Melhor Realizador (a) Estreante da Boston Society of Film Critics. Nesse contexto, Wells vem colhendo bons frutos na temporada 2022/23, fora os prémios aqui citados, ela venceu o British Independent Film Awards 2022 de Melhor Filme Britânico Independente, o Gotham de Realizador (a)-Revelação e o Prémio National Board of Review 2022 de Melhor Estreia na Direção. Já em solo brasileiro, na última Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, seu longa levou o Troféu Bandeira Paulista.

Estreado na 75ª edição do Festival de Cannes, onde recebeu o Prémio French Touch da Semana da Crítica, “Aftersun” parte das memórias de Sophie (Frankie Corio) que vai passar férias com o pai, Callum (Paul Mescal), na Turquia, nos anos 1990. Ele é jovem e separado da mãe da menina. Os dois passam os dias à beira da piscina, ou fazendo alguns passeios. Conversam, discutem. Em si, o longa-metragem é um relato direto e intenso sobre a relação terna e por vezes complicada entre pai e filha.

 

 

Destaques

Neste ano, houve empate na categoria Melhor Realização, os críticos resolveram dividir o prémio entre Daniel Kwan e Daniel Scheinert por “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo” Martin McDonagh por “Os Banshees de Inisherin”. Seguindo os críticos do Atlanta Film Critics Circle, o grupo também laureou Austin Butler com o prémio de Artista Revelação por sua performance eletrizante em “Elvis”, de Baz Luhrmann. Pela primeira vez na temporada, a atriz Hong Chau do drama “A Baleia”, de Darren Aronofsky, ganhou um prémio de Melhor Atriz Secundária. Já o prémio de Melhor Atriz foi para Michelle Yeoh de “Tudo em Todo o Lado ao Mesmo Tempo”.

 

 

Confira os vencedores:

 

Melhor Filme:

  • The Banshees of Inisherin

 

Top 10 Filmes (Ordem Alfabética):

  • Avatar: The Way of Water
  • Babylon
  • The Banshees of Inisherin
  • Everything Everywhere All at Once
  • The Fabelmans
  • RRR
  • She Said
  • TÁR
  • Top Gun: Maverick
  • Women Talking

 

Melhor Realização:

  • Daniels (Everything Everywhere All at Once) & Martin McDonagh (The Banshees of Inisherin) [empate]

 

Melhor Argumento:

  • Martin McDonagh (The Banshees of Inisherin)

 

Melhor Realização de Estreia:

  • Charlotte Wells (Aftersun)

 

Melhor Ator:

  • Colin Farrell (The Banshees of Inisherin)

 

Melhor Atriz:

  • Michelle Yeoh (Everything Everywhere All at Once)

 

Melhor Ator Secundário:

  • Brendan Gleeson (The Banshees of Inisherin)

 

Melhor Atriz Secundária:

  • Hong Chau (The Whale)

 

Melhor Elenco:

  • Glass Onion: A Knives Out Mystery

 

Melhor Ator/Atriz Revelação:

  • Austin Butler (Elvis)

 

Melhor Filme em Língua Estrangeira:

  • EO

 

Melhor Documentário:

  • All the Beauty and the Bloodshed

 

Melhor Animação:

  • Marcel the Shell with Shoes On

 

Melhor Fotografia:

  • NOPE

 

Melhor Uso de Música:

  • Elvis

 

Skip to content