Depois da chegada do cinema russo (Tarkovsky e Eisenstein), do cinema sueco (Bergman) e do cinema japonês (Ozu e Mizoguchi), chegou a vez de a plataforma streaming Filmin adicionar ao seu catálogo de cinema clássico seis filmes do indiano Satyajit Ray (1921–1992).

Ray é um dos grandes mestres do cinema mundial que ficou conhecido pela sua abordagem humanista à linguagem cinematográfica, que se inspirou no cinema neo-realista italiano. Ray realizou 36 obras, entre as quais longas-metragens, documentários e curtas. Foi também escritor de ficção, editor e ilustrador, designer gráfico e crítico de cinema. Foi autor de várias histórias e romances, dirigidos especialmente a crianças e adolescentes. Recebeu diversos prémios de grande prestígio, incluindo 32 Indian National Film Awards, um Leão de Ouro, um Urso de Ouro, dois Ursos de Prata, mais um número adicional de prémios em festivais internacionais e cerimónias, mais um prémio honorário da Academia em 1992.

Satyajit Ray é tido como um dos mais importantes realizadores do oriente, que se estreou com a Trilogia de Apu, sucesso instantâneo no ocidente, composta por “O Lamento da Vereda” (1955), “O Invencível” (1956) e “O Mundo de Apu” (1959). O filme “A Grande Cidade” (1963) é uma das suas maiores obras primas.

Os filmes disponíveis a partir do dia 19 de julho na Filmin são: “A Grande Cidade” (1963), “Charulata” (1964), “O Cobarde” (1965), “O Santo” (1965), “O Herói” (1966) e “O Deus Elefante” (1979).