ordem-moral-mario-barroso-2020

“Ordem Moral”, de Mário Barroso, estreia em setembro

Depois de “O Milagre segundo Salomé” (2004) e “Um Amor de Perdição” (2008), o realizador Mário Barroso assina a sua terceira longa-metragem, “Ordem Moral”, um drama de época protagonizado por Maria de Medeiros, Albano Jerónimo e Marcello Urgeghe.

“A história que pretendemos contar é pública e conhecida: em 1918, Maria Adelaide Coelho da Cunha, herdeira e proprietária do Diário de Notícias, abandona o luxo social, cultural e familiar em que vive para fugir com um insignificante chauffeur, 26 anos mais novo. As consequências desta sua decisão serão obviamente dolorosas e moralmente devastadoras.”

Uma produção da Leopardo Filmes, por Paulo Branco, “Ordem Moral” contou com o apoio do ICA – Instituto do Cinema e Audiovisual, Fundo de Apoio ao Turismo e Cinema, RTP e Câmara Municipal de Lisboa. A RTP irá transmitir “Ordem Moral” no formato de minissérie.

Fazem  também parte do elenco de luxo: João Arrais, João Pedro Mamede, Júlia Palha, Ana Padrão, Teresa Madruga, Vera Moura, Dinarte Branco, Miguel Borges, Ana Bustorff e a participação especial de Isabel Ruth e Rui Morisson.

“Ordem Moral”, que se encontra na fase final de pós-produção, estreia nas salas de cinema portuguesas a 10 de setembro.