“Perfect Days”, de Wim Wenders, em competição em Cannes, ganha trailer

Perfect Days, Wim Wenders

“Perfect Days”, o filme de Wim Wenders passado no Japão, tem estreia mundial em competição no Festival Internacional de Cinema de Cannes e ganha agora também um trailer.

O filme, rodado em 17 dias, é uma reflexão poética sobre encontrar beleza nas pequenas coisas do mundo que nos rodeia e conta a história de Hirayama, um homem que limpa casas de banho em Tóquio e se sente feliz com a sua vida simples. No entanto, uma série de encontros inesperados são revelar mais do seu passado.

No elenco, Koji Yakusho é o ator protagonista, que tanto sucesso tem tido no Japão, mas também internacionalmente. A ele se juntam Arisa Nakano, Tokio Emoto, Arisa Nakano, Aoi Yamada, Sayuri Ishikawa,  Tomokazu Miura, Min Tanaka e Yumi Aso.

O guião é da autoria do próprio Wenders e Takuma Takasaki , com Franz Lustig na direção de fotografia. A produção está a cargo de Koji Yanai, Wenders, Takuma Takasaki, com Reiko Kunieda, Keiko Tominaga, Kota Yabana e Yasushi Okuwa como co-produtores e Koji Yakusho como produtor executivo.

Wim Wenders tornou-se internacionalmente aclamado com o seu filme de 1977, “O Amigo Americano”, uma adaptação de um romance de Patricia Highsmith. Desde então, já ganhou um Leão de Ouro em Veneza por “O Estado das Coisas” (1982), a Palma de Ouro em Cannes com “Paris, Texas” (1984), o prémio de Melhor Realizador também em Cannes com “As Asas do Desejo” (1987) e o Urso de Prata por “O Hotel”, na Berlinale em 2000.

Para além da ficção, Wim Wenders é ainda aclamado pelo seu trabalho em documentário, sendo autor de “Buena Vista Social Club” (1999), “Pina” (2011) e “O Sal da Terra” (2014), todos eles nomeados ao Óscar.

Por isso, não é de estranhar que este ano, em Cannes, o realizador esteja presente com dois títulos, um de ficção,  “Perfect Days”, que está em competição, e o documentário intitulado “Anselm”, um retrato em 3D do artista alemão Anselm Kiefer.

Skip to content