Numa acção de publicidade ao seu mais recente filme Era Uma Vez emHollywood(2019), na Rússia, Quentin Tarantino afirmou, na passada quarta-feira, que o seu 10.º e último filme será o Epilogue-y”.

Se pensares na ideia de todos os filmes contarem uma história, e cada filme é como que uma carruagem de comboio ligada uma à outra, este seria o grande clímax de isso tudo isso. E poderia imaginar que o 10.º (filme) seria um bocado mais epílogo-y. – Quentin Tarantino

O cineasta revelou que planeia fazer apenas dez filmes, e tem “mais um para fazer”, mas não adiantou qualquer tipo de detalhes acerca desse futuro projecto. Alguns rumores apontam para uma obra idêntica a Cães Danados (1992), que de uma forma divertida, embora improvável, o realizador poderia apresentar um epílogo que confirmasse que todos os seus filmes estão conectados. Para além disso, foram já notícia supostas ideias para o tal “último filme” de Tarantino, tal como Kill Bill Vol. 3 ou Killer Crow.

Mais recentemente, o realizador natural do Tennessee, Estados Unidos da América, admitiu ser fã de Star Trek, sendo que, com o cancelamento do quarto filme da sequela, que seria realizado por S.J. Clarkson, o cineasta mostrou-se interessado em assumir o projecto. Contudo, este exigiria que o universo de Star Trek fosse moldado ao seu estilo cinematográfico. Ao mesmo tempo, tendo em conta o tipo de histórias contadas no grande ecrã, é pouco provável que esta obra seja vista como um epílogo.

No entretanto, o último filme de Quentin Tarantino, “Era Uma Vez em… Hollywood”, está em exibição nas salas de cinema nacionais desde o dia 15 de agosto.