TIFF 2013: Vencedores

"12 Years a Slave" (2013)_2

Terminou hoje a 36ª edição do Festival Internacional de Cinema de Toronto (TIFF), no Canadá, um dos mais importantes festivais de cinema da América do Norte, atribuindo o mais importante prémio do certame, o prémio do público a “12 Years a Slave”, de Steve McQueen. O drama sobre a escravatura, baseado na autobiografia de Solomon Northrup, e que conta no elenco com nomes como Chiwetel Ejiofor, Benedict Cumberbatch, Michael Fassbender, Brad Pitt, Paul Giamatti, Paul Dano, confirma ser um dos filmes mais aguardados para a temporada de prémios 2013/2014,

Este prémio do público é um forte barômetro para a corrida aos Óscares, sendo que filmes como “Quem Quer Ser Bilionário?”, “O Discurso do Rei”, “Precious” e “Guia para um final feliz”, que venceram este prémio, foram todos nomeados aos Óscares. Em trinta e seis edições, vinte e três filmes obtiveram pelo menos uma nomeação aos Óscares, sendo que quatro venceram o Óscar de Melhor Filme.

 

Prémio do Público

12 Years a Slave, de Steve McQueen

Prémio do Público (Documentário)

The Square, de Jehane Noujaim

Prémio do Público (Midnight Madness)

Why Don’t You Play in Hell?, de Sion Sono

Prémio NETPAC para Melhor Filme Asiático

Qissa, de Anup Singh

Prémio FIPRESCI (Special Presentation)

Ida, de Pawel Pawlikowski

Prémio FIPRESCI (Discovery)

The Amazing Catfish, de Claudia Sainte-Luce

Prémio Discovery

All the Wrong Reasons, de Gia Milani

Melhor Filme Canadiano

When Jews Were Funny, de Alan Zweig

Melhor Curta Canadiana

Noah, de Walter Woodman e Patrick Cederberg

Melhor Primeiro Film Canadiano

Asphalt Watches, de Shayne Ehman e Seth Scriver