O cineasta de 103 anos, Manoel de Oliveira, tem já o seu novo filme pronto, prestes a estrear nas salas de cinema nacionais. “O Gebo e a Sombra” estreia a 27 de setembro, nos cinemas Lusomundo, três semanas depois de passar fora de competição na 69ª edição do Festival de Veneza, que decorre de 29 de agosto a 8 de setembro.

 

“O Gebo e a Sombra”, uma adaptação da obra homónima de Raul Brandão, escrita em 1923, segue Gebo, um honrado contabilista que descobre que o seu filho anda a roubar o seu chefe. Para o proteger, Gebo decide assumir as culpas pelo crime do filho, sendo por isso condenado a três anos de prisão. É durante este tempo que ele começa a questionar as atitudes que tomou ao longo da sua vida e que contribuíram para a sua atual situação.

 

O elenco deste novo drama é constituído por Claudia Cardinale, Michael Lonsdale, Jeanne Moreau, Leonor Silveira e Ricardo Trêpa.