A plataforma de vídeo on demand FILMIN lançou um canal dedicado ao festival  Curtas Vila do Conde com dezenas de novos filmes disponíveis para visualização.

A 26.ª edição do Curtas Vila do Conde – Festival Internacional de Cinema está a decorrer desde o dia 14 de julho e serviu de mote para o lançamento de um novo canal na FILMIN.

Dividido em diferentes secções, o Canal FILMIN Curtas disponibiliza dezenas de filmes, entre curtas e longas-metragens, portuguesas e estrangeiras, documentários, ficções e animações, exibidas, e, em alguns casos, premiadas no festival.

A secção “And the winner is…” apresenta um conjunto de filmes premiados no festival (entre 2009 e 2017) de realizadores como João Nicolau, João Pedro Rodrigues, Salomé Lamas e Leonor Noivo, entre outros.

Na secção “Panorama” estão disponíveis filmes como “Cidade Pequena”, de Diogo Costa Amarante (Urso de Ouro em Berlim) e “Boa Noite Cinderela”, de Carlos Conceição (Semaine Internationale de la Critique, Festival de Cannes), entre outros.

Já na secção “Todos Começaram Pequenos” é apresentado um conjunto de filmes de cineastas que se iniciaram na curta-metragem, mas que consolidaram o seu percurso com longas, tais como Pedro Costa, Miguel Gomes e João Salaviza.

No campo da animação, é possível encontrar filmes como “Kali, O Pequeno Vampiro”, de Regina Pessoa, “Estilhaços” e “Viagem a Cabo Verde”, de José Miguel Ribeiro, e “Água Mole”, de e Laura Gonçalves.

Na secção “Nascidos em Vila do Conde”, dedicada a filmes produzidos pelo Curtas – Vila do Conde, é possível encontrar “Noites Sem Distância”, de Lois Patiño, “A Rua da Estrada”, de Graça Castanheiro, “Cidade Pequena”, de Diogo Costa Amarante e “A Glória de Fazer Cinema em Portugal”, de Manuel Mozos.

Na secção “Fora Formado”, curtas experimentais, encontram-se obras de realizadores como Joana Pimenta, João Salaviza e Nicolas Provost.

Por fim, na secção “Das Curtas as Longas”, com filmes de autores que mostraram curtas em Vila do Conde, é possível ver “O Outro Lado da Esperança”, de Aki Kaurismaki, “No Nevoeiro”, de Sergei Loznitsa, ou a trilogia “As Mil e Uma Noites”, de Miguel Gomes.

O Canal FILMIN Curtas, que continuará a crescer ao longo do tempo com a disponibilização de novos títulos, pretende contribuir para a divulgação do cinema, sobretudo o português e os seus cineastas.

Os filmes estão disponíveis através de subscrição que inclui acesso a todo o catálogo do site (por 6,95€/mês) ou por aluguer individual, a 0,95€ no caso das curtas, ou 2,95€ para as longas-metragens.

Fonte: FILMIN