“Donbass”, o filme de abertura da secção Un Certain Regard do Festival de Cannes de 2018, do ucraniano Sergey Loznitsa, venceu o Giraldino de Oro, prémio de melhor filme no Festival de Cinema Europeu de Sevilha, no passado dia 17 de novembro.

O júri do festival justificou assim a sua decisão: “O filme alcança um equilíbrio estético primoroso entre o tom documental e a ficção. A sua excelente fotografia, dotada de realismo e criatividade, mostra uma visão muito clara da tragédia incontrolável da guerra e suas consequências. O argumentista e realizador Sergey Loznitsa relata, com grande sucesso, o horror do conflito armado conjugado pelo seu lado mais nacionalista, numa história comovente, quotidiana e muito próxima do nível humano.”

O cinema português conquistou dois prémios: o Prémio Las Nuevas Olas No Ficción para “Extinção”, de Salomé Lamas, e o Prémio Reconhecimento da Contribuição Artística à Linguagem Cinematográfica para “Raiva”, de Sérgio Tréfaut. Este último “reinterpreta os géneros clássicos com uma brilhante proposta estética e fortes raízes na cultura popular portuguesa.”

Secção Oficial
Giraldillo de Oro
Donbass, de Sergey Loznitsa

Grande Prémio do Júri
Rau & Liz, de Richard Billingham

Melhor Realização
Yolande Zauberman, por M

Melhor Ator
Vincent Lacoste & Pierre Deladonchamps, em Vivir Deprisa, Amar Despacio

Melhor Atriz
Joy Anwulika Alphonsus, em Joy

Melhor Argumento
Ruben Brandt, Collector

Melhor Fotografia
La Ciudad Oculta

Secção Las Nuevas Olas
Melhor 
Filme
Shéhérazade, de Jean-Bernard Marlin

Prémio Especial Las Nuevas Olas
Samouni Road, de Stefano Savona

Reconhecimento da contribuição artística à linguagem cinematográfica
Raiva, de Sérgio Tréfaut

Prémio Las Nuevas Olas No Ficción
Extinção, de Salomé Lamas

Prémio FIPRESCI – Competição Oficial Resistencias
A Violent Desire For Joy, de Clément Schneider

Prémio DELUXE
La Estrella Errante, de Alberto Gracia

Prémio Europa Junior
La Increíble Historia de la Pera Gigante, de Amalie Næsby Fick, Jørgen Lerdam y Philip Einstein Lipski

Prémio Cinéfilos del Futuro
Funan, de Denis Do

Grande Prémio do Público – Seleção EFA
La Mujer de la Montana, de Benedikt Erlingsson

Prémio EURIMAGES – Coprodução Europeia
Atardecer, de László Nemes

Prémio CICAE – Primeira Obra
Ruben Brandt, Collector, de Milorad Krstic