A 55.ª edição da Semana da Crítica, que decorrerá de 12 a 20 de maio, como evento paralelo do 69º Festival de Cannes, vai contar com a presença de dois filmes portugueses. Ascensão” de Pedro Peralta (produzida pela Terratreme Filmes) e Campo de Víboras” de Cristèle Alves Meira (produzida pela Ukbar Filmes (Portugal) e Fluxus Films (França)), são os dois filmes portugueses que irão competir na secção de curtas-metragens da Semana da Crítica. Ambos os filmes terão antestreia mundial no IndieLisboa 2016.

Longa-Metragem
Albüm, de Mehmet Can Mertoğlu (Turquia/França/Roménia)
Mimosas, de Óliver Laxe (Espanha/Marrocos/França/Qatar)
Raw, de Julia Ducournau (França/Bélgica)
Tramontane, de Vatche Boulghourjian (Líbano/França)
A Yellow Bird, de K. Rajagopal (Singapura/França)
Diamond Island, de Davy Chou (Cambodja/França/Alemanha)
One Week and A Day (Shavua ve yom), de Asaph Polonsky (Israel)

Sessões Especiais
In Bed With Victoria, de Justine Triet (França) (filme de abertura)
Happy Times Will Come Soon, de Alessandro Comodin (Itália/França)
Apnée, de Jean-Christophe Meurisse (França)

Curta-Metragem
Arnie, de Rina B. Tsou (Taiwan/Filipinas)
Ascensão, de Pedro Peralta (Portugal)
Campo de víboras, de Cristèle Alves Meira (Portugal/França)
O delírio é a redenção dos aflitos, de Fellipe Fernandes (Brasil)
L’enfance d’un chef, de Antoine de Bary (França)
Limbo, de Konstantina Kotzamani (Grécia/França)
Oh What A Wonderful Feeling, de François Jaros (Canadá)
Prenjak, de Wregas Bhanuteja (Indonésia)
Le Soldat Vierge, de Erwan Le Duc (França)
Superbia, de Luca Tóth (Hungria)

Sessões Especiais
Los pasos del agua, de César Augusto Acevedo (Colômbia)
From The Diary of A Wedding Photographer (Myomano Shel Tzalam Hatonot), de Nadav Lapid (Israel)
Bonne figure, de Sandrine Kiberlain (França)
En moi, de Laetitia Casta (França)
Kitty, de Chloë Sevigny (EUA) (sessão de encerramento)