Estreias da Semana (16-Maio-2013)

“A Música Nunca Acabou”
de Jim Kohlberg
EUA – Drama – 2011
Sinopse: 

“Aprovado”
de Paul Weitz
EUA – Comédia – 2013
Sinopse: Todas as primaveras, os finalistas aguardam ansiosamente pela carta de aprovação para a Universidade, que irá afirmar e encorajar o seu potencial. Na Universidade de Princeton, a responsável pelas admissões Portia Nathan avalia milhares de candidatos. Ano após ano, Portia tem vivido a sua vida seguindo todas as regras no trabalho e em casa, que partilha com Mark, um professor de Princeton. Quando Clarence, o diretor de admissões, anuncia a sua iminente reforma, os candidatos mais prováveis para a sucessão são Portia e a sua rival no escritório Corinne. Para Portia, no entanto, tudo continua igual quando se faz à estrada para a sua viagem anual de recrutamento. Na viagem, Portia reencontra-se com a sua mãe, a iconoclasta Susannah. Na visita a New Quest, um liceu alternativo, encontra Jonh Pressman, um professor idealista que recentemente supôs que Jeremiah, um talentoso mas pouco convencional estudante de New Quest, pudesse ser o filho que Portia secretamente deu para adoção anos atrás quando ainda era estudante. Jeremiah prepara-se para se candidatar a Princeton. Agora Portia tem de reavaliar a sua existência pessoal e profissional, quando se encontra a quebrar as regras de admissão por Jeremiah, colocando em risco o futuro que pensou querer – e no processo descobrir o seu caminho para uma vida surpreendente e emocionante e um romance que nunca sonhou ter.

“Deadfall – A Sangue Frio”
de Stefan Ruzowitzky
EUA – Crime/Thriller – 2012
Sinopse: Addison e Liza são irmãos e encontram-se em fuga depois do assalto que fizeram a um casino ter corrido mal. Quando o carro em que seguiam se despista e na sequência disso mata um polícia estadual e um dos companheiros do golpe, os irmãos decidem separar-se para assim tentarem chegar despercebidos à fronteira do Canadá, apesar de estarem a pé e debaixo de um enorme nevão. Enquanto Addison resolve seguir o caminho mais curto, fazendo corta-mato pelo território e deixando atrás de si um rasto de destruição, Liza acaba por ser resgatada por Jay, um ex-boxer que está de regresso a casa para passar o dia de Ação de Graças com os pais, June e Chet. Vai ser nessa casa que os irmãos se acabam por reunir, num confronto que irá levar todos as pessoas ali reunidas a limites que desconheciam.

“O Grande Gatsby”
de Baz Luhrmann
EUA – Drama – 2013
Sinopse: A história do aspirante a escritor, Nick Carraway, que deixa o Oeste para ir para Nova Iorque na primavera de 1922, uma era de baixa moral, de um jazz deslumbrante e de reis do contrabando. Perseguindo o Sonho Americano, Nick instala-se perto da casa do misterioso milionário Jay Gatsby e também da casa da sua prima Daisy e o seu mulherengo marido de sangue-azul, Tom Buchanan. É assim que Nick é atraído para o cativante mundo dos super-ricos, das suas ilusões, dos seus amores e deceções. Nick assiste, dentro e fora do mundo em que habita, à história de um amor impossível, sonhos incorruptíveis e amargas tragédias, levando-nos até às nossas lutas do mundo atual.

“O Outro lado do Coração”
de John Cameron Mitchell
EUA – Drama – 2010
Sinopse: Becca e Howie Corbett estão a tentar retomar o dia-a-dia após o choque sofrido pela repentina perda do filho. Oito meses atrás, os Corbertt eram uma família feliz que tinham tudo o que queriam. Agora, encontram-se presos num labirinto de emoções, memória, desejo, culpa, recriminação, sarcasmo e raiva, do qual não conseguem sair. Enquanto Becca apenas sente sofrimento nas coisas familiares que estão ao seu redor, Howie encontra nelas algum conforto. Mas as mudanças surgem de repente e em momentos inesperados. Hesitantemente, Becca abre-se com a sua opinativa e amorosa mãe, ao mesmo tempo que, em segredo, procura o contato com o adolescente envolvido no acidente que mudou tudo. Pelo seu lado, Howie imagina um possível consolo com outra mulher. Apesar de cada vez mais afastados, os dois continuam a tentar encontrar um caminho para uma vida em conjunto que lhes garanta algum potencial de beleza, o riso e felicidade. O resultado é um olhar intimista sobre duas pessoas que tentam reaprender a viver um com o outro e com um mundo que saiu fora do eixo.

“Os Nossos Filhos”
de Joachim Lafosse
EUA – Drama – 2012
Sinopse: Baseado numa história verídica, o filme conta a história do casal Muriel e Mounir, dois jovens verdadeiramente apaixonados. Infelizmente os problemas começam a surgir rapidamente após o casamento. No centro do problema está o Dr. Pinget, o homem que cuidou de Mounir desde pequeno e que passa a exercer uma forte influência sobre os dois – o casal não só vive em sua casa como também depende financeiramente dele. Aos poucos, ela começa a sentir-se aprisionada neste clima emocional doentio e uma sombra trágica começa a pairar sobre esta família…

“A República de Mininus”
de Flora Gomes
Portugal – Drama – 2011
Sinopse: Num país em Guerra, assustados pelas tragédias que eles próprios provocaram, os adultos desaparecem, abandonando as crianças à sua sorte. Para conseguirem sobreviver a esta nova realidade, serão obrigados a unir-se. E assim surge “A República di Mininus”, onde o polícia, político, médico, patrão e empregado são apenas crianças. Nesta nova sociedade a união, respeito e harmonia são palavras de ordem, mas subitamente a paz instituída é quebrada quando cinco crianças soldados chegam à República di Mininus. Trazem consigo passados difíceis e atitudes conturbadas, pelo qual são obrigados a passar por uma prova imposta pelos meninos da nova sociedade: ou se aceitam uns aos outros como um grupo, ou terão de partir novamente para um mundo sem esperança, onde a sobrevivência é algo que não existe.