“Terra Nova” estreia em formato série na RTP

“Terra Nova” estava previsto estrear nas salas de cinema nacionais a 19 de março, mas, devido à pandemia da COVID-19, a produtora Cinemate foi obrigada a adiar a estreia. Dois meses depois, a RTP anuncia a estreia do filme de Artur Ribeiro em formato série no dia 3 de junho.

“É com imensa pena que devido aos recentes desenvolvimentos relacionados com a evolução do COVID-19 e atendendo a que a nossa prioridade é a proteção e segurança dos nossos colaboradores, parceiros, amigos e espectadores, decidimos adiar a antestreia no dia 11 no Cinema São Jorge e a estreia comercial no dia 19 de março. Contaremos consigo na nova data, que oportunamente será comunicada, numa altura mais feliz e despreocupada do que a que vivemos de momento”, lê-se no comunicado da Cinemate publicado a 10 de março.

A versão em formato filme não tem ainda estreia marcada nas salas de cinema nacionais, mas espera-se que seja até ao final do ano.

Baseado na obra literária “O Lugre”, de Bernardo Santareno, “Terra Nova” foi inteiramente filmado no alto mar da Noruega a bordo do lugre Santa Maria Manuela, em 2018. Esta é uma produção ambiciosa de Ana Costa com coprodução luso-alemã entre a Cinemate (Portugal) e a Lightburst Pictures (Alemanha), com apoio do ICA e da NOS.

Este filme surgiu de um desafio que Nicolau Breyner lançou em 2015 e conta com grandes nomes da ficção nacional, como Virgílio Castelo, Vítor D’Andrade, João Reis, Pedro Lacerda, Miguel Borges, João Craveiro, João Catarré, Ricardo de Sá, Vítor Norte, Miguel Partidário, Rodrigo Tomás, Paulo Manso, Manuel Sá Pessoa Miguel Melo.

O filme acompanha a viagem do lugre bacalhoeiro Terra Nova, quando, num mau ano de pesca, o capitão decide arriscar uma travessia nunca antes tentada até à Gronelândia à procura de mais peixe. Enquanto a tripulação enfrenta as tempestades e o frio do Atlântico Norte, o medo e conflito intensifica-se, numa luta aguerrida contra o mar e entre os homens.