O destaque da semana vai para a nova obra de João Botelho (“A Corte do Norte”, “Filme do Desassossego”, “Os Maias”), “Peregrinação”, um filme que recria as aventuras e memórias dos tempos áureos dos Descobrimentos portugueses. Filmado na China, Japão, Índia, Malásia, Vietname e Portugal, tem o ator Cláudio da Silva como protagonista. É acompanhado no elenco por Cassiano Carneiro, Pedro Inês, Catarina Wallenstein, Maya Booth, Rui Morrison, Jani Zhao e Zia Soares, entre muitos outros. “Peregrinação” estreia hoje nas salas de cinema nacionais.

Nascido em Montemor-o-Velho (distrito de Coimbra), por volta de 1510, o português Fernão Mendes Pinto ficou conhecido pela obra autobiográfica “Peregrinação”, em que relata uma das viagens feitas pelos portugueses ao Oriente. Em 1537, para escapar à miséria, parte para a Índia, para se juntar aos dois irmãos. Assim começam as aventuras e desventuras de um homem que, durante os 21 anos em que esteve no Oriente, foi “13 vezes cativo e 16 ou 17 vendido”. Em 1558, regressa a Portugal. Depois de várias tentativas de se ver recompensado pelos serviços feitos à coroa portuguesa, acaba por desistir e estabelecer-se na Quinta de Palença (Almada), onde se dedica à escrita, entre 1569 e 1578, da obra que, várias décadas mais tarde, o tornaria famoso. O texto original, deixado à Casa Pia dos Penitentes, só viria a ser publicado em 1614, 31 anos após a sua morte, já em 1583. Apesar da publicação tardia, este livro de viagens sobre as expedições dos descobridores e conquistadores portugueses torna-se um grande sucesso por toda a Europa.

Fonte: Cinecartaz