A cineasta belga será distinguida no próximo dia 29 de março pela Universidade Lusófona do Porto. Segue-se um ciclo no Teatro Municipal Rivoli, entre 29 março e 01 abril, que também contará com a presença da cineasta nalguns momentos. E entrada é livre.

No próximo dia 29 de março, pelas 17h00 no Salão Nobre da Universidade Lusófona do Porto (ULP), terá lugar a cerimónia de atribuição do grau de doutoramento Honoris Causa em Arte dos Media à cineasta Agnès Varda, um dos nomes maiores do cinema mundial que, inclusive, recebeu no ano passado a Palma de Ouro de carreira no Festival de Cinema de Cannes, tornando-se na primeira mulher a receber este prémio. Varda, a única mulher realizadora a integrar a Nouvelle vague, é autora de algumas obras-primas como “Cléo de 5 à 7” (1962), “L’Une Chante, l’Autre Pas” (1977), “Sans Toit Ni Loi” (1985), “Jacquot de Nantes” (1991) ou “Les Plages d’Agnès” (2008). Varda recebeu outros importantes galardões internacionais pelo seu notável trabalho como realizadora, além da já referida Palma de Ouro: Urso de Prata da Berlinale (1964), Leão de Ouro do Festival Internacional de Cinema de Veneza (1985), dois Prémios César (1984 e 2009) e o Prémio do Cinema Europeu (2001).

O padrinho académico de Agnès Varda será António Preto, reconhecido doutorado e investigador na área do cinema e que estará presente na cerimónia que contará também com a presença da Reitora e Administrador Adjunto da ULP e o diretor do Doutoramento em Artes dos Media – que será honrosamente atribuído à cineasta.

No final do dia da cerimónia, dá-se início ao ciclo de cinema que decorre integralmente no Teatro Municipal Rivoli em parceria com o Teatro Municipal do Porto e o Pelouro da Cultura da Câmara Municipal do Porto.

29 Março – Grande Auditório Manoel de Oliveira
22H00 (com a presença da cineasta)
Les Trois Boutons (França, 2015, 11’)
Les Plages d’Agnès (França, 2008, 110’)

30 março – Auditório Isabel Alves Costa
18H30
Cléo de 5 à 7 (França, 1962, 110’)
21H30
Sans Toi Ni Loi (França, 1985, 105’)

31 março – Auditório Isabel Alves Costa
18H30
Jane B. Par Agnès V. (França, 1987, 97’)
21H30
Jacquot de Nantes (França, 1991, 118’)

1 abril – Auditório Isabel Alves Costa
18H30
Quelques Veuves de Noirmoutier (França, 2006, 70’)