O realizador, produtor e argumentista mexicano Alejandro González Iñárritu, vencedor de dois Óscares consecutivas pelas suas obras The Revenant: O Renascido (2015) e Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância) (2014) receberá o Prémio Honorário Coração de Sarajevo na 25.ª edição do Festival de Cinema de Sarajevo, que decorrerá entre 16 a 23 de agosto.

O prémio, anunciado em Sarajevo na passada sexta-feira, reconhece o realizador mexicano como “um dos cineastas mais aclamados e respeitados da atualidade, conhecido por contar histórias pungentes internacionais sobre a condição humana”.

Mirsad Purivatra, diretor do Festival, declarou que Iñárritu foi “um realizador que empurrou os limites de sua visão artística para criar filmes imprevisíveis e extraordinários”. “Os seus filmes são caracterizados por um estilo e ritmo distintos e cativam e emocionam o público e os críticos de cinema de todo o mundo”, acrescentou Purivatra.

Alejandro González Iñárritu teve a sua estreia na realização na Semana da Crítica na edição do ano de 2000 do Festival Internacional de Cinema em Cannes, com “Amor Cão” (2000), tendo sido nomeado no mesmo ano para o Óscar de Melhor Filme Estrangeiro. Na sua carreira tem títulos como“21 Gramas” (2003), “Babel” (2006), que reuniu sete nomeações aos Óscares e recebeu o Prémio de Melhor Realizador em Cannes, em 2006, e Biutiful, apresentado em competição em Cannes, em 2010.

Tornou-se no primeiro cineasta mexicano a ser nomeado para os Óscares de Melhor Realizador e Melhor Produtor, e o primeiro do seu país a ser nomeado para a Palma de Ouro em Cannes. Recentemente, Iñárritu tornou-se no primeiro realizador latino-americano a encabeçar o júri do Festival de Cinema de Cannes, em 2019.

Nesta 25.ª edição do Festival de Cinema de Sarajevo, Iñárritu apresentará uma master class e terá uma sessão especial com a obra Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)”.