Cannes 2015: Vencedores da Semana da Crítica

"La Patota" (2015)_1O filme argentino “La Patota”, realizado por Santiago Mitre e protagonizado por Dolores Fonzi, foi o grande vencedor da 54ª Semana da Crítica, uma secção paralela do Festival de Cannes, ao receber o o Grande Prémio Nespresso. O filme é baseado na obra homônima de 1963, realizada por Daniel Tinayre.

Paulina é uma jovem advogada brilhante que abandona uma promissora carreira para dedicar-se ao ensino numa região da Argentina. Num ambiente hóstil, ela adere a sua missão de ensino aceitando sacrificar o seu namorado e a confiança do seu pai, um poderoso juiz local. Após a sua chegada, ela é violentamente agredida por um gangue de jovens, alguns deles os próprios alunos. Apesar do trauma e da incapacidade de compreender, Paulina vai esforçar-se para ficar pelas suas convicções.

 

Grande Prémio Nespresso

La Patota (Paulina), de Santiago Mitre

Prémio SACD

La tierra y la sombra, de César Augusto Acevedo

Prémio Visionário France 4

La tierra y la sombra, de César Augusto Acevedo

Prémio Descoberta para Curta-Metragem

Varicella, de Fulvio Risuleo

Prémio Canal + para Curta-Metragem

Ramona, de Andrei Cretulescu

Garantia de Distribuição da Fundação Gan

The Wakhan Front, de Clément Cogitore