DocLisboa: Conheça os projectos selecionados para a 8ª. edição do Arché

O Arché regressa, de 12 a 20 de Outubro, coincidindo parcialmente nas datas do Doclisboa no contexto do Nebulae – programa de indústria do Doclisboa. Inscreveram-se, este ano, 122 projectos oriundos de 19 países iberoamericanos e Itália e dos quais foram seleccionadas 12 produções de 10 países.

Os realizadores irão apresentar os seus projectos numa sessão de pitching no dia 13 de outubro, seguindo-se uma ronda de reuniões individuais com agentes da indústria internacional com vista ao alargamento de oportunidades de co-produção, distribuição e financiamento.

De 17 a 20, irão participar em oficinas de desenvolvimento com os tutores Sergio Oksman (realizador e professor, Brasil/Espanha), Tiago Hespanha (realizador e produtor, Portugal) e Virginia Garcia del Pino (realizadora e montadora, Espanha).

RAW – Residencies Arché→Work, programa de formação e residências artísticas feito em colaboração com o Festival Márgenes (Madrid, Espanha) está também de regresso, de 12 de Outubro a 27 de Novembro. Foram seleccionados três dos projectos de filme e três projectos de investigação, oriundos de 5 países.

Ao longo das 7 semanas do programa, os participantes terão tutorias individuais com Teresa Castro (professora e investigadora, Portugal) e Chema Gonzalez (curador e investigador, Espanha), no caso dos participantes da vertente de investigação, e por Beli Martinez (produtora, Espanha), Gustavo Fontán (realizador e encenador, Argentina) e Paula Gaitán (artista visual e realizadora, Colômbia/Brasil).

Os seis participantes estarão em residência artística de 21 de Outubro a 10 de Novembro no Largo Residências e no Hangar – Centro de Investigação Artística e seguem depois para o 60º FICX – Festival Internacional de Cinema de Gijón, a ter lugar de 11 a 19 de Novembro antes da última paragem do programa, no festival Márgenes em Madrid.

Com o objectivo de impulsionar a finalização e o desenvolvimentos dos projectos, o Arché atribui os prémios Prémio RTP para Melhor Projecto em Fase de Montagem ou Primeiro Corte (compra dos direitos televisivos em território português e nos PALOP pela RTP no valor de 15.000,00€), o Prémio Especial do Júri Escolas das Artes, Universidade Católica Portuguesa, para Melhor Projecto em Fase de Escrita e Desenvolvimento no valor de 2.000,00 e o Prémio Selina para Melhor Projecto em Fase de Escrita e Desenvolvimento, uma residência artística de 30 dias nos espaços Selina.

A entrega dos prémios terá lugar na Cerimónia de Encerramento do Doclisboa no dia 15 de Outubro na Culturgest.

O júri Arché será composto por Hajnal Molnár-Szakács (directora do Institute Granting do Instituto de Sundance, EUA), Pedro Filipe Marques (realizador e montador, Portugal) e Sarita Matijević Žilnik (produtora da casa de produção Playground Produkcija, Sérvia).

Confira o projectos selecionados:

 

  • Alguien se acuerda?, de Natalia Solórzano Vásquez
  • A Savana e a Montanha, de Paulo Carneiro
  • Bienvenidos conquistadores interplanetarios y del espacio sideral, de Andrés Jurado
  • Casa feta de boira, de Alberto Dexeus
  • Continuum, de Mariana Bomba
  • La lengua del agua, de Jeissy Trompiz
  • La oroya, de Diego Bedoya Abad
  • Llamadas desde Moscú, de Luis Alejandro Yero
  • Por ti, Portugal, eu juro!, de Diogo Cardoso, Sofia da Palma Rodrigues
  • Tres balas, de Génesis Valenzuela
  • Una temporada en la frontera, de Ileana Dell’Unti
  • Yõg Ãtak: My Father, Kaiowá, de Sueli Maxakali, Roberto Romero e Luisa Lanna

 

Projectos de investigação

  • Aporias e Fractais – Identidades raciais na América e Cultura visual, de Mariana Souza (Brasil)
  • Desconfiar de las Imágens: Memoria y Archivo en el cine documental contemporáneo latinoamerico, de Karina Solórzano (México)
  • Visiones de Anáhuac. Periplos Mexicanos en el cine de vanguardia, de Salvador Amores (México)
Skip to content