Foram divulgados os nomeados para o People’s Choice Award, da 32.ª edição do European Film Awards (Prémios do Cinema Europeu). Todos os anos a Academia de Cinema Europeu permite que os amantes do cinema europeu votem no seu filme preferido. O vencedor ganha uma viagem até ao red carpet, em Berlim, na Alemanha, para acompanhar a cerimónia da entrega dos prémios. O vencedor do People’s Choice Award será revelado durante a cerimónia dos Prémios do Cinema Europeu, no dia 7 de dezembro. As votações terminam a 31 de outubro.

“La Isla Mínima”, de Alberto Rodríguez, “Ida”, de Paweł Pawlikowski, “A Gaiola Dourada”, de Ruben Alves, “O Discurso do Rei”, de Tom Hooper“Volver”, de Pedro Almodóvar, “A Vida é Bela”, de Roberto Benigni, “Amélie” de Jean-Pierre Jeunet, “Chama-me Pelo Teu Nome”, de Luca Guadagnino, são alguns exemplos de filmes que receberam este prémio em edições anteriores.

Em meados de novembro a Academia do Cinema Europeu irá revelar a lista dos nomeados para os Prémios do Cinema Europeu. A cerimónia da 32.ª edição realiza-se no dia 7 de dezembro, em Berlim, onde serão entregues os mais importantes prémios cinematográficos europeus.

Para VOTAR clique aqui.

Nomeados ao People’s Choice Award:
Border, de Ali Abbasi (Suécia/Dinamarca)
Cold War, de Paweł Pawlikowski (Polónia/RU/França)
Dogman, de Matteo Garrone (Itália/França)
Fantastic Beasts: The Crimes of Grindelwald, de David Yates (RU/EUA)
Girl, de Lukas Dhont (Bélgica/Holanda)
Happy as Lazzaro, de Alice Rohrwacher (Itália/França/Alemanha/Suíça)
Mamma Mia! Here We Go Again, de Ol Parker (RU)
Pain and Glory, de Pedro Almodóvar (Espanha)
Sink or Swim, de Gilles Lellouche (França)
The Breadwinner, de Nora Twomey (Irlanda/Canada/Luxemburgo)
The Favourite, de Yorgos Lanthimos (RU/Irlanda)
The Purity of Vengeance Journal 64, de Christoffer Boe (Dinamarca)