Festival de Gramado 2024: “Motel Destino”, thriller de Karim Aïnouz, terá sua premiére brasileira em Gramado

O filme será exibido em uma única sessão na noite de abertura do festival, em 9 de agosto, fora da competição
motel destino 1 motel destino 2
“Motel Destino”, de Karim Aïnouz

O thriller erótico “Motel Destino”, novo longa-metragem do cineasta Karim Aïnouz, terá sua estreia no Brasil na abertura do 52.º Festival de Cinema de Gramado.

O projeto debutou mundialmente na mostra competitiva do Festival de Cannes, onde foi aplaudido por mais de doze minutos pelos espectadores. Para David Canfield, da revista estadunidense Vanity Fair, o longa, que disputou a Palma de Ouro, foi o “filme mais sexy de Cannes”.

“É uma grande alegria apresentar Motel Destino em Gramado. Depois de tantos anos longe do Brasil, ainda mais tempo longe do Ceará, colocar esse filme no mundo é, para mim, uma felicidade imensa. Os últimos anos foram muito difíceis, nos quais sobrevivemos a uma pandemia e a um governo fascista. Motel Destino é uma ode ao desejo como motor da vida”, celebra o diretor.

Motel Destino

Inteiramente filmado no Ceará, “Motel Destino” carrega o nome de um local numa beira de estrada do litoral cearense, palco de jogos perigosos de desejo, poder e violência.

Uma noite, a chegada de um jovem transforma em definitivo o cotidiano do motel. O rapaz em fuga, totalmente vulnerável, cruza seu caminho com o de uma mulher aprisionada pelas dinâmicas de um casamento abusivo.

Estrelado por Fabio Assunção, Iago Xavier e Nataly Rocha, a coprodução Brasil, França e Alemanha possui argumento de Karim Aïnouz, Mauricio Zacharias e Wislan Esmeraldo.

Elemento recorrente na filmografia de Aïnouz, o erotismo é o pano de fundo de “Motel Destino”. As cores fortes e vibrantes do litoral nordestino dão a tônica visual-narrativa da nova obra, o primeiro projeto do realizador rodado inteiramente no Ceará desde “O Céu de Suely” (2006).

O estabelecimento de beira de estrada que dá título ao filme é, segundo ele, “o principal personagem do enredo e o local onde se entrecruzam questões crônicas da realidade brasileira”.

O longa é um retrato íntimo de uma juventude que teve seu futuro roubado por uma elite tóxica e esmagadora, contra a qual a insubordinação e revoltas são, não raramente, a saída possível.

A escolha

Para o curador Marcos Santuario, a escolha reafirma Gramado como vitrine nacional de obras brasileiras consagradas no exterior.

“Karim dispensa apresentações. Com seus trabalhos, esse potente realizador deixa sua marca no audiovisual brasileiro desde os anos de 1990 e leva o melhor do nosso cinema para as telas do mundo. “Madame Satã”, “O Céu de Suely”, “Praia do Futuro” e “A Vida Invisível” são apenas alguns registros da extensa filmografia de Aïnouz. “Motel Destino” é um filme que causou um furor no exterior, em Cannes, e repete um pouco aquilo que temos feito em anos anteriores, abrindo Gramado com filmes brasileiros que têm sido expoentes no exterior”.

Santuario comenta, também, sobre a felicidade de ter um dos maiores realizadores brasileiros trazendo seu novo projeto para abrir Gramado:

“Karim, com seu filme, mostra um pouco do que o mundo está vendo a respeito do cinema brasileiro. Aplaudindo e premiando. Para nós, é uma honra enorme ter o filme de um dos maiores realizadores brasileiros da contemporaneidade, que é aplaudido e reverenciado em outros festivais importantíssimos pelo mundo, abrindo essa edição do Festival de Gramado”, afirma.

Única exibição

O longa-metragem terá única exibição na noite de abertura do 52º Festival de Cinema de Gramado, 9 de agosto, fora de competição. A programação do evento se estende até o dia 17  de agosto.

Nos cinemas, “Motel Destino” estreia dia 22 de agosto, distribuído pela Pandora Filmes.

Skip to content