Foi confirmado na passada terça-feira o quarto filme da saga Matrix, que trará de volta Keanu ReevesCarrie-Anne Moss aos seus papéis originais, Neo e Trinity respectivamente, tendo a revelação sido feita pela equipa de produção.

A realização e a produção da obra estará ao encargo de Lana Wachowski, uma das irmãs responsáveis pela saga original que teve início em 1999. O argumento da obra será escrito por Aleksandar Hemon, David Mitchell e pela própria Wachowski.

À revista Variety, o director dos estúdios da Warner Bros., Toby Emmerich, admitiu que não poderia estar mais animado por regressar ao universo de Matrix com a Lana (Wachowski), tendo descrito a cineasta como uma “real visionária, singular, original e criativa realizadora”. De acordo com a mesma fonte, o filme irá começar a ser rodado no início de 2020.

Em março de 2017 surgiram rumores de um possível interesse por parte da Warner Bros. em fazer um reboot de “Matrix” com Michael B. Jordan (Black Panther”, “Creed: O Legado de Rocky) na disputa pelo papel principal, mas ao que tudo indica essa ideia foi eliminada da agenda.

Os filmes que antecedem esta nova longa-metragem são “Matrix” (1999),The Matrix Reloaded (2003), e Matrix Revolutions (2003), que foram realizados por ambas as irmãs Wachowski (Lily e Lana – Wachowskis), e renderam cerca de 1,4 mil milhões de euros nas bilheteiras de todo o mundo.

Não foram avançadas datas para a estreia do filme.