MUTIM: Fórum debate dados sobre desigualdade de género e aponta caminhos para futuro mais igualitário

395976333 314489857999146 1625713730532817733 n 29
Last updated:

Depois de revelar, em Março passado, os dados preliminares do estudo “A Condição da Mulher nos Sectores do Cinema e do Audiovisual em Portugal”, a MUTIM – Mulheres Trabalhadoras das Imagens em Movimento, apresenta os dados conclusivos do primeiro grande estudo deste género em Portugal.

Nos dias 22 e 24 de Novembro, no Goethe-Institut em Lisboa, o 1.º Fórum MUTIM reúne profissionais, empresas, instituições e associações do sector no sentido de convergir esforços para procurar soluções que construam uma indústria do cinema e audiovisual mais paritária.

O estudo parte de uma iniciativa MUTIM em parceria com a XX Element Project e tem o apoio da Netflix, do Instituto do Cinema e Audiovisual e da APIT – Associação de Produtores Independentes de Televisão. Os dados do estudo são o mote para as iniciativas que terão lugar durante os dois dias do Fórum.

No dia 22 de Novembro, após a sessão de abertura com a apresentação do estudo, é inaugurado o primeiro painel intitulado “Objetivo 50/50 – Casos de Sucesso e outras realidades”, que conta com a participação de Íris Zapper Heller (Austrian FIlm Institute), Cristina Andreu da CIMA (Asociación de Mujeres Cineastas em Espanha), Luís Chaby Vaz (Instituto do Cinema e Audiovisual) e moderação da MUTIM.

Logo depois, “Qual a responsabilidade das empresas e instituições?”, conta com a presença de várias associações e instituições do sector, nomeadamente a Associação Portuguesa de Argumentistas e Dramaturgos, a Academia Portuguesa de Cinema, a Associação Portuguesa de Realizadores, entre outros.

No dia 23 de Novembro, a mesa-redonda, “Cinemas do meu país: história, arte e associativismo de mulheres em Portugal” com a participação das académicas Kitty Furtado, Carla Baptista, Lígia Ferraz e Vanda Gorjão para uma conversa sobre o passado, presente e futuro das mulheres no cinema e audiovisual que conta com a moderação de Mariana Liz.

O programa do dia termina numa sessão com Verónica Fernández, responsável de conteúdos de ficção Netflix Espanha e Portugal, apenas para associadas da MUTIM. No dia 24, o Fórum tem prevista uma Masterclass de direção de fotografia com Leonor Teles, aberta ao público mediante inscrição.

Combater a desigualdade de género, valorizar o trabalho das mulheres nestes sectores, proporcionar mais oportunidades laborais e delinear um futuro mais igualitário, são alguns dos objectivos principais desta iniciativa. A entrada para o 1.º Fórum MUTIM é gratuita.

De 22 a 24 de Novembro, em Lisboa, a MUTIM afirma-se mais uma vez como uma importante plataforma de impulso para as mulheres que trabalham na indústria cinematográfica e audiovisual em Portugal, na busca de informações e encontros que promovam um futuro mais inclusivo e igualitário, quer para quem trabalha em cinema e audiovisual, quer para quem assiste aos conteúdos produzidos.

Fonte: https://www.mutim.org/

Skip to content