Passado dois anos da sua estreia mundial no Festival de Cinema de Roterdão (em 2016), “O Espectador Espantado” estreia finalmente nas salas de cinema em Portugal. O documentário ensaio de Edgar Pêra, onde este investiga e questiona o que é ser um espectador de cinema nos dias de hoje, é um filme feito em 3D, com uma estética muito própria do realizador.

“O Espectador Espantado”, produzido pelo Rodrigo Areias e a Bando À Parte, vai chegar a duas salas de cinema nacionais graças à Nitrato Filmes. A partir de 13 de Setembro estará em exibição – em exclusivo – no Cinema Trindade do Porto (versão 2D) e nos Cinemas NOS Alvaláxia de Lisboa (versão original em 3D).

“Espantar-se é interrogar”.O ESPECTADOR ESPANTADO é uma cine-investigação sobre o acto de ver cinema. Um diálogo entre diferentes tipos de espectadores: o que é mais cinema? – ver o Citizen Kane num telemóvel ou ver um jogo de futebol projectado numa sala de cinema? O que é o Cinema da Incerteza? Quantos tipos de espanto existem? O Medo e a Crença precedem o Espanto? Quais são os direitos e deveres do espectador? Os filmes de ensaio são manifestos contra o voyeurismo? Os espectadores deveriam ser pagos? O que espanta hoje um espectador?