Prémio ZON 2011 – Vencedores

Realizou-se ontem a cerimónia de entrega dos prémios, na Fundação Champalimaud, da quarta edição do Prémio Zon Criatividade em Multimédia, que contou com a presença de Miguel Relvas, Ministro Adjunto e dos Assuntos Parlamentares e do Secretário de Estado do Empreendedorismo, Competitividade e Inovação, Carlos Oliveira. O grande vencedor do Prémio ZON 2011 foi atribuído à série de animação infantil portuguesa “Ginjas”, produzida pela Animanostra, no valor de 80 mil euros, na categoria Animação Digital. Ainda na mesma categoria ficou em segundo lugar “Depressure”, de David Mourato (com um prémio de 12.500 euros), e em terceiro “As Extraordinárias Aventuras de Dog Mendonça e Pizzaboy II”, de João Alves (com um prémio de 7.500 euros).

 

Na categoria Aplicações e Conteúdos Multimédia, o primeiro lugar foi para “GimmeDaBlues”, um trabalho de Carlos Guedes, que recebeu 30 mil euros, e em segundo lugar ficaram dois trabalhos; “Smart Companion” e “iflexi.mobi”, arrecadando cada um 6.250 euros.

 

Na  categoria Curtas-metragens o júri (composto por Mário Augusto, Nuno Sena, Antunes João e Manuel Heitor) considerou que os trabalhos não conformavam com os seus critérios de classificação, tendo o valor global do prémio (de 50 mil euros) sido distribuído pelos 10 finalistas.

 

Os vencedores de cada categoria serão também galardoados com uma Bolsa de Estudo com Estadia na Universidade Austin, Texas.

 

Grande Prémio

Ginjas (Animanostra)

 

1.º Lugar

 

2.º Lugar

Depressure (David Mourato)

 

3.º Lugar

As Extraordinárias Aventuras de Dog Mendonça e Pizzaboy II (João Alves)