Arranca hoje, em Lisboa, a 18ª Festa do Cinema Francês com uma obra imperdível neste ano cinematográfico, “Lumière!”, um filme realizado e comentado por Thierry Frémaux, Delegado-Geral do Festival de Cannes e Director do Instituto Lumière.

Esta obra é uma verdadeira homenagem aos pioneiros da história do cinema, os irmãos Lumière, e ao seu contributo para a indústria do entretenimento, que estreia hoje às 21h00, no Cinema São Jorge, em Lisboa, e que chegará às salas de cinema a a 12 de outubro em Lisboa (Cinema Ideal e UCI El Corte Inglés) e no Porto (UCI Arrábida).

Em 1895, Louis e August Lumière inventam o cinematógrafo e filmam alguns dos primeiros filmes na história do cinema. Com a descoberta da mise-en-scène, dos travellings e ainda dos efeitos especiais e remakes, também inventaram o cinema enquanto arte. Dos seus mais de 1400 filmes, Thierry Frémaux, director do Festival de Cinema de Cannes e do Instituto Lumière, seleccionou 114: obras de arte mundialmente conhecidas ou descobertas de filmes antes desconhecidos, recuperados em 4K e reunidos para celebrar o legado dos Lumière.

A 18ª edição, em Lisboa, vai contar com 53 filmes na sua programação, a decorrer até 15 de outubro. Depois de Lisboa, a 18ª edição da Festa do Cinema Francês vai passar por Almada (11-15 out), Cascais (12-15 out), Coimbra (17-22 out), Leiria (19-21 out), Porto (23-29 out), Aveiro (2 e 3 nov), Faro (7-10 nov), Beja (7-11 nov), Seixal (8-11 nov), Viana do Castelo (8 e 9 nov) e Setúbal (10-12 nov).

18ª Festa do Cinema Francês: Novidades